Radwanska supera jovem suíça e se sagra campeã em Tóquio

Três meses após ser derrotada pela suíça Belinda Bencic na final de Eastbourne, a polonesa Agnieszka Radwanska obteve sua vingança neste domingo ao superar a tenista de 18 anos na decisão do Torneio de Tóquio. Com uma campanha impecável no Japão, a ex-número dois do mundo assegurou o título com um duplo 6/2 na final.

Estadão Conteúdo

27 de setembro de 2015 | 10h53

Foi o segundo troféu levantado pela polonesa em Tóquio. O anterior foi obtido em 2011. O novo título encerra um jejum de um ano sem conquistas. O último foi em Montreal, em agosto de 2014. Nesta temporada, Radwanska foi vice-campeã na grama de Eastbourne, na Inglaterra, quando perdeu justamente para Bencic.

A revanche deste domingo foi fulminante. A polonesa fechou o set inicial sem ter o saque ameaçado e duas quebras de serviço a seu favor. Sólida na defesa e mais agressiva do que de costume, Radwanska seguiu melhor no segundo set. E, mesmo perdendo o saque uma vez, não deixou de fechar a parcial e o jogo, totalizando uma campanha de cinco vitórias em Tóquio, sem perder nenhum set.

Apesar da derrota, Bencic deixa a competição japonesa com saldo positivo. Para alcançar sua quarta final da temporada, a suíça obteve vitórias importantes na chave, sobre tenistas como a australiana Samantha Stosur, a espanhol Garbiñe Muguruza e a dinamarquesa Caroline Wozniacki.

TORNEIO DE SEUL - A decisão da competição sul-coreana também não foi das mais equilibradas neste domingo. A romena Irina-Camelia Begu bateu a bielo-russa Aliaksandra Sasnovich, apenas a 136ª do mundo, por 6/3 e 6/1. Foi o segundo título de nível WTA da tenista 29ª colocada no ranking. O primeiro havia sido conquistado em Tashkent, no Usbequistão, há três anos.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.