Radwanska vence fácil em Tianjin e garante lugar no WTA Finals

Sexta colocada no ranking mundial, a polonesa Agnieszka Radwanska é a sexta atleta classificada para disputar o WTA Finals, que neste ano vai acontecer em Cingapura. Neste domingo, ela carimbou o seu passaporte ao conquistar uma vitória fácil sobre a montenegrina Danka Kovinic, por 2 a 0, com parciais de 6/1 e 6/2, na final do Torneio de Tianjin, na China.

Estadão Conteúdo

18 de outubro de 2015 | 11h33

Disputando uma final de um torneio do circuito profissional pela primeira vez na carreira (e na história de Montenegro), Kovinic, de 20 anos, acabou sucumbindo fácil ao poderio da polonesa. Em menos de uma hora, teve seu saque quebrado cinco vezes e não conseguiu devolver nenhuma quebra - teve cinco oportunidades.

De qualquer forma, seria difícil vencer Radwanska, de 26 anos. A polonesa, que ganhou em Tianjin o seu 16.º título na carreira, não perdeu nenhum set nos cinco jogos que fez no torneio chinês.

Agora, ela se junta a outra cinco atletas já classificadas para WTA Finals: a norte-americana Serena Williams, a espanhola Garbiñe Muguruza, a russa Maria Sharapova, a romena

Simona Hale e a checa Petra Kvitova. É o quinto ano seguido que Radwanska disputa o Finals. Na sua sétima participação, vai igualar a russa Elena Dementieva e Serena (que abriu mão de jogar este ano). Ficará só atrás de Sharapova, que vai ao Finals pela oitava vez.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.