Kamran Jebreili/AP
Kamran Jebreili/AP

Rafael Nadal derrota alemão em estreia e encara Kyrgios nas oitavas em Acapulco

Espanhol passou por Mischa Zverev por 2 sets a 0, com duplo 6/3

Redação, Estadao Conteudo

27 de fevereiro de 2019 | 00h40

O espanhol Rafael Nadal estreou de forma vitoriosa no Torneio de Acapulco, um ATP 500 disputado em quadras rápidas no México. Nesta terça-feira, o atual número 2 do mundo não foi tão dominante como costuma ser em suas partidas, mas passou pelo alemão Mischa Zverev com um tranquilo triunfo por 2 sets a 0 - com um duplo 6/3, em 1 hora e 20 minutos.

Na segunda rodada do torneio mexicano, já valendo pelas oitavas de final, Nadal, que é o principal cabeça de chave, terá pela frente o confronto contra o australiano Nick Kyrgios, que na estreia também não teve muito trabalho para derrotar o italiano Andreas Seppi por 2 sets a 0 - com parciais de 6/3 e 7/5.

Este será o sexto duelo entre Nadal e Kyrgios no circuito profissional. O espanhol lidera por 3 a 2, mas perde por 2 a 1 fora das quadras de saibro. Eles não se cruzam desde os três duelos que fizeram na temporada de 2017 - o mais recente com fácil vitória do espanhol na final do ATP 500 de Pequim, na China.

O segundo e o terceiro pré-classificados em Acapulco também tiveram uma estreia vitoriosa nesta terça-feira. Cabeça de chave número 2, o alemão Alexander Zverev, irmão mais novo de Mischa, não teve problemas para superar o australiano Alexei Popyrin, vindo do qualifying, com um duplo 6/3. Com um pouco mais de dificuldade, o norte-americano John Isner bateu o francês Adrian Mannarino por 2 sets a 1 - com parciais de 6/3, 4/6 e 6/3.

Em outros jogos desta terça-feira, o argentino Diego Schwartzman e o norte-americano Frances Tiafoe avançaram. O tenista sul-americano bateu o romeno Marius Copil por 2 sets a 1 - com parciais de 6/3, 4/6 e 6/1 -, enquanto que o dos Estados Unidos superou de virada o australiano Jordan Thompson também por 2 a 1 - parciais de 3/6, 6/4 e 6/3.

Tudo o que sabemos sobre:
tênisRafael Nadal

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.