Greg Wood/AFP
Greg Wood/AFP

Rafael Nadal: 'Estou feliz pelas duas boas semanas de tênis, apesar da derrota'

Tenista espanhol perdeu para Novak Djokovic em três sets na final do Aberto da Austrália

Redação, Estadão Conteúdo

27 Janeiro 2019 | 11h05

Apesar da derrota para o sérvio Novak Djokovic na final do Aberto da Austrália, o espanhol Rafael Nadal estava feliz pelo seu desempenho no primeiro Grand Slam do ano. "Não tive um bom dia, mas essas duas semanas foram muito gratificantes. Tive um período do ano passado muito complicado e não pude jogar uma partida profissional desde o US Open."

Nadal disse que finalmente está livre das lesões nos pés, joelhos, abdômen e até do problema muscular, que o tirou da disputa do Torneio de Brisbane, preparatório para o Aberto da Austrália.

Derrotado pela quarta vez na final do torneio, Nadal elogiou Djokovic. "É sempre difícil enfrentar Novak, ainda mais quando ele está no melhor de sua forma. Parabéns a ele e toda sua equipe pelo resultado."

Nadal também afirmou que, livre das lesões, vai continuar lutando para se tornar um jogador melhor no futuro. "Vamos analisar tudo que foi feito, corrigir os erros para retomar a carreira da melhor forma possível", disse o jogador, que soma 17 títulos de Grand Slam, atrás apenas do suíço Roger Federer, detentor de 20 taças. Djokovic tem agora 15.

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.