REUTERS/Dylan Martinez
REUTERS/Dylan Martinez

Nadal sofre, bate Aliassime e faz final antecipada com Djokovic em Roland Garros

Tenista espanhol vence o canadense por 3 sets a 2 e enfrenta número 1 do mundo nas quartas de final do torneio na França

Redação, Estadão Conteúdo

29 de maio de 2022 | 16h31

O jogo mais esperado de Roland Garros está confirmado para as quartas de final. A decisão antecipada vai ocorrer na terça-feira, em Paris. Depois de ganhar a batalha com o canadense Félix Auger-Aliassime, por 3 sets a 2, com parciais de 6/3, 3/6, 2/6, 6/3 e 6/3, Rafael Nadal, maior vencedor na terra batida francesa, com 13 troféus, vai ter pela frente o número 1 do mundo, o sérvio Novak Djokovic, que tenta igualar os 21 títulos de Grand Slans do rival espanhol.

O embate aponta favoritismo para Nadal em Roland Garros. Das nove vezes em que se encontraram, o espanhol levou a melhor em sete oportunidade e perdeu apenas duas para Djokovic. O encontro mais recente, porém, quem levou a melhor foi o sérvio, que superou o espanhol nas semifinais do ano passado. No confronto geral, o atual líder da ATP tem a vantagem de 30 a 28.

O caminho para chegar ao encontro com Djokovic não foi fácil. Nadal precisou de 4 horas e 23 minutos para superar o tenista canadense. Em 2021, Aliassime já havia aprontado para cima de um gigante do ranking. Então com 20 anos, ele despachou o suíço Roger Federer na segunda rodada do ATP 500 de Hale, na Alemanha. Neste domingo, ele tentou repetir a proeza para cima do espanhol.

A partida começou com Aliassime forçando o saque e imprimindo um ritmo forte. Rafael Nadal teve dificuldades para conter as variações do seu rival e o primeiro set terminou com vitória tranquila do franco-atirador canadense, que fechou a parcial em 6/3. Nos dois sets seguintes, porém, a experiência, concentração e superação do tenista espanhol falaram mais alto. Nadal controlou a disputa e impôs a vitórias nos dois sets seguintes aplicando um 6/3 e virando a partida no set seguinte com 6/2.

Apesar da confiança de Nadal em definir a partida no quarto set, Aliassime não se intimidou. Confirmou o seu saque e quebrou o serviço do espanhol abrindo 2 a 0 e deixando a disputa em aberto. O canadense abriu 3 a 1 e apostou na troca de bolas para manter a vantagem. Ele passou a usar golpes curtos para desgastar Nadal e sacramentar o empate em 2 a 2 com vitória no quarto set por 6/3.

No set decisivo o equilíbrio se manteve até 4 a 3, quando o espanhol quebrou. A definição veio quando Nadal conseguiu ser mais agressivo e conseguiu superar o jovem rival com um ponto espetacular, levantando a torcida.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.