Randy Vazquez|AP
Randy Vazquez|AP

Raonic supera Del Potro e faz final com Sock em Delray Beach

Canadense se classifica com o triunfo por 2 sets a 0, com parciais de 6/3 e 7/6 (8/6)

Estadao Conteudo

26 Fevereiro 2017 | 00h30

O canadense Milos Raonic está classificado à final do Torneio de Delray Beach, disputado em quadras duras. Na noite deste sábado, o número 4 do mundo avançou à decisão do ATP 250 norte-americano ao superar o argentino Juan Martin del Potro, o 42º colocado no ranking, por 2 sets a 0, com parciais de 6/3 e 7/6 (8/6), em 1 hora e 46 minutos. Agora disputará o título com o norte-americano Jack Sock.

Raonic contou com o seu poderoso saque para superar Del Potro e desempatar o confronto direto com argentino, diante de quem agora soma duas vitórias e uma derrota. O canadense disparou 17 aces em todo o duelo, contra apenas quatro do argentino.

No primeiro set, Raonic nem teve o seu serviço ameaçando, convertendo um de cinco break points para vencer por 6/3. No segundo set, o canadense conseguiu mais uma quebra de saque, mas toda a garra de Del Potro impediu que Raonic fechasse o jogo no 12º game, quando o argentino quebrou o seu serviço e forçou a realização do tie-break. Só que aí o canadense seu deu melhor, garantindo o seu triunfo.

Na semifinal entre dois tenistas norte-americanos no Torneio de Delray Beach, Jack Sock, o número 21 do mundo, venceu os últimos sete pontos no tie-break da segunda parcial para superar Donald Young, o 69º colocado no ranking da ATP, por 6/4 e 7/6 (7/2) para se garantir na decisão.

Sock, o terceiro cabeça de chave, vai encarar na final o primeiro pré-classificado, contra quem está em desvantagem de 8 a 2 no confronto direto. Mas foi o norte-americano quem venceu o último duelo, na edição de 2016 do Masters 1000 de Xangai.

Na sua semifinal, Sock não teve o saque quebrado e só concedeu um break point a Young. Assim, ele chega à decisão sem ter perdido sequer um set em Delray Beach nas quatro partidas que atuou e ainda com vitórias nos três tie-breaks que disputou.

Esta foi a segunda semana consecutiva em que Young foi eliminado nas semifinais por um tenista dos Estados Unidos. Anteriormente, caiu nessa mesma etapa para Ryan Harrison, que faturou o título do Torneio de Memphis.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.