Rezai é eliminada na segunda rodada no Marrocos

Convidada pela organização, a marroquina Nadia Lalami surpreendeu nesta quarta-feira e fez a alegria da torcida local ao derrotar a francesa Aravane Rezai por 2 sets a 1, com parciais de 2/6, 7/6 (7/5) e 6/4, cabeça de chave número 1, para avançar às quartas de final do Torneio de Fez, disputado em quadras de saibro.

AE, Agência Estado

20 de abril de 2011 | 16h23

Número 497 do mundo, Lalami conseguiu duas quebras de serviço no set decisivo e definiu o jogo logo no seu primeiro match-point para derrotar Rezai, que não consegue vencer partidas seguidas desde julho. A francesa, que cometeu 11 duplas faltas, conseguiu levar o segundo set para o tie-break após estar perdendo por 5/1, mas não venceu e depois foi derrotada no set decisivo.

Rezai tem quatro títulos de torneios da WTA, mas tem sofrido com problemas pessoais. Ela contratou a treinadora Alexia Dechaume nesta semana em uma tentativa de recuperar a sua melhor fase e se preparar para Roland Garros. Agora, Lalami vai enfrentar a belga Kirsten Flipkens, que superou a grega Eleni Daniilidou (6/4 e 7/5).

A húngara Greta Arn superou problemas em seu saque para vencer a checa Kristyna Pliskova por 2 sets a 0, com um duplo 6/4. Cabeça de chave número 4, Arn, que ganhou seu segundo título da carreira em Auckland, em janeiro, cometeu oito duplas faltas, mas conseguiu salvar quatro break points para vencer.

Arn enfrentará na terceira rodada a sétima pré-classificada Simona Halep, da Romênia, que venceu Alla Kudryavtseva, da Rússia por 2 sets a 0, com parciais de 6/2, 6/4. No ano passado, Halep saiu do qualifying e alcançou a final, obtendo o melhor resultado da sua carreira.

Ainda pela primeira rodada, a eslovena Polona Hercog e a norte-americana Melanie Oudin avançaram com vitórias sobre a sul-africana Chanelle Scheepers (6/7, 7/6 e 6/2) e a espanhola Lourdes Dominguez Lino (4/6, 6/1 e 6/2), respectivamente. Já a francesa Alize Cornet bateu a checa Andrea Hlavackova por 2 sets a 0, com um duplo 6/3.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.