Rio Open/Divulgação
Rio Open/Divulgação

Rio Open dá convite do qualifying para Mateus Alves, do Time Guga

Aos 18 anos, o tenista ocupa no momento a 47ª posição no ranking juvenil da ITF (a Federação Internacional de Tênis)

Felipe Rosa Mendes, Estadão Conteúdo

31 de janeiro de 2019 | 18h31

A organização do Rio Open concedeu nesta quinta-feira convite ao jovem tenista Mateus Alves. O atleta integrante do Time Guga ficou com a primeira das três vagas no qualifying, que dá lugar na chave principal do torneio de nível ATP 500, o maior da América do Sul. A competição será disputada entre 18 e 24 de fevereiro, no Jockey Club Brasileiro.

Alves tem 18 anos e ocupa no momento a 47ª posição no ranking juvenil da ITF (a Federação Internacional de Tênis). O tenista, natural de São José do Rio Preto, treina com Thiago Alves, ex-profissional que hoje atua como um dos técnicos do chamado Time Guga, equipe de alto rendimento liderada pelo tricampeão de Roland Garros.

O qualifying terá início mais cedo, no dia 16 do próximo mês, e concede quatro vagas na chave principal. A organização do Rio Open ainda vai anunciar mais dois convites para o quali. Outros juvenis do País são os candidatos a ficar com pelo menos uma das duas vagas restantes.

Mateus Alves é o sexto brasileiro garantido na competição. Antes dele, o também jovem Thiago Wild assegurou lugar direto na chave principal ao vencer seletiva entre os juvenis do País em dezembro. Thiago Monteiro ganhou um dos convites para o torneio e Rogério Dutra Silva foi confirmado no quali. Nas duplas, Bruno Soares e Marcelo Melo vão jogar com seus respectivos parceiros.

Rogerinho foi confirmado na terça, quando o torneio divulgou a lista dos tenistas garantidos na chave do quali. A relação tem ainda promessas do circuito, como o britânico Cameron Norrie, o canadense Felix Auger-Aliassime e o norueguês Casper Ruud.

"O público terá a chance de ver, com entrada gratuita, nomes que prometem ser o futuro do circuito. O Auger-Aliassime tem impressionado o mundo do tênis com um currículo de profissional mesmo ainda sendo adolescente. O Norrie vem em grande ascensão e tem tudo para estourar de vez neste ano. Sem falar no nosso guerreiro Rogerinho, que vai contar com todo o apoio dos torcedores", afirma Luiz Carvalho, diretor do torneio.

 

 

Tudo o que sabemos sobre:
Rio Opentênis

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.