Divulgação
Divulgação

Rogério Dutra Silva é eliminado por espanhol na estreia em Quito

Brasileiro não consegue passar por Roberto Carballa Baena

Estadao Conteudo

07 Fevereiro 2017 | 17h18

Começou mal a participação do tênis brasileiro no giro sul-americano do circuito mundial do tênis. Um dia após Thiago Monteiro ser eliminado no seu jogo de estreia no Torneio de Quito, ATP 250 disputado em quadras de saibro, foi a vez de Rogério Dutra Silva seguir o mesmo cenário.

Número 88 do mundo, Dutra Silva não resistiu a Roberto Carballa Baena, 144º colocado no ranking e que veio do qualifying, sendo batido por 2 sets a 0, com parciais de 6/3 e 6/1, em 1 hora e 16 minutos.

No seu primeiro confronto com o tenista espanhol, Dutra Silva sofreu para colocar o seu serviço em quadra, tendo cometido seis duplas-faltas. Foi uma a menos do que as sete de Carballa Baena, mas com a diferença que o seu adversário disparou oito aces, contra nenhum dele.

Além disso, Dutra Silva não aproveitou nenhum dos quatro break points que teve na partida, sendo três no primeiro set, quando perdeu o seu saque no sexto game, quando foi batido por 6/3. O desempenho do brasileiro foi ainda pior na segunda parcial, quando perdeu por 6/1 após permitir que Carballa Baena conquistasse três quebras de serviço.

Carballes Baena já havia aprontado para um tenista do País no ano passado, na segunda rodada do Brasil Open. Agora ele eliminou o número 2 brasileiro em Quito e terá pela frente o equatoriano Giovanni Lapenti, o algoz de Thiago Monteiro, o melhor tenista do País no ranking, nas oitavas de final.

Em outro jogo já encerrado nesta terça-feira em Quito, o australiano Matthew Ebden superou de virada (2/6, 6/4 e 6/3) o argentino Agustin Velotti. Ele será o adversário de estreia do italiano Paolo Lorenzi no evento equatoriano.

Mais conteúdo sobre:
tênis

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.