Rússia vira sobre Eslováquia e vai à final da Fed Cup

A Rússia é a primeira finalista da Fed Cup - espécie de versão feminina da Copa Davis. Neste domingo, a equipe do país conseguiu uma incrível virada diante da Eslováquia, venceu os três jogos do dia, após perder as duas partidas de sábado, e fechou a série melhor de cinco em 3 a 2, para delírio da torcida que compareceu na arena Krylatskoye, em Moscou.

AE, Agência Estado

21 de abril de 2013 | 17h17

Agora as russas esperam a definição do confronto entre Itália e República Checa. As checas venceram a única partida disputada neste domingo e diminuíram a vantagem italiana para 2 a 1, mas os últimos dois confrontos do dia não puderam ser realizados, por conta da falta de luz natural, e acabaram adiados para esta segunda.

Em Moscou, Maria Kirilenko, número 13 do mundo, entrou pressionada diante de Dominika Cibulkova, 15.ª do ranking, mas conseguiu a vitória com certa facilidade, por 2 sets a 0, com parciais de 7/5 e 6/1. O triunfo de Ekaterina Makarova sobre Daniela Hantuchova por 2 sets a 1, com 6/3, 4/6 e 6/4, fez com que a decisão ficasse para a partida de duplas. Foi aí que Makarova se tornou heroína. Ela e Elena Vesnina venceram Cibulkova e Hantuchova por 2 sets a 1, de virada, com 4/6, 6/3 e 6/1, e garantiram a classificação.

Em Palermo, a República Checa também chegou neste domingo pressionada pela desvantagem de 2 a 0, mas conseguiu o início da recuperação. Petra Kvitova passou por Sara Errani, também de virada, por 2 sets a 1, com parciais de 2/6, 6/2 e 6/0, e deixou a definição para esta segunda.

Tudo o que sabemos sobre:
tênisFed CupRússiaEslováquia

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.