Safin perde na estréia e culpa a ATP

Pela segunda semana consecutiva, o maior rival de Gustavo Kuerten na briga pela posição de número 1 do mundo, Marat Safin, perde na primeira rodada de um torneio. Desta vez, caiu logo na sua estréia no Masters Series de Miami diante do espanhol Juan Balcells, número 68 do ranking mundial, por 2 sets a 1, parciais de 4/6, 6/4 e 6/3, numa partida em que ficou evidente as dificuldades do tenista russo em mostrar seu verdadeiro jogo. Ainda sentindo uma contusão nas costas - lesão que sofreu em Dubai - não conseguiu sequer sacar direito, apenas colocou a bola em jogo e fez o seu melhor na tentativa de sobreviver no torneio. Sincero e claro, como de costume, Safin culpou a Associação dos Tenistas Profissionais (ATP) por forçá-lo a disputar torneios da série Masters, como o de Indian Wells e agora o Ericsson Open, para manter o elevado nível desta série de competições, que recebe os maiores investimentos de marketing da ATP."Somos obrigados a jogar todos os Masters Series", revelou Safin. "O regulamento exige a presença dos 50 primeiros do ranking mundial, sob pena de tomar zero pontos e sofrer ainda uma série de outros prejuízos." Além de tomar zero pontos no ranking mundial - no computo dos 18 resultados da temporada - o tenista que não participa de um Masters Series deixará também de acumular milhares de dólares em bônus distribuidos ao fim de cada temporada para os jogadores que "prestigiaram" todos os Masters Series."Acho que a ATP deveria mudar esta regra", disse Safin. "Estou com problemas nas costas, mas tive de jogar em Indian Wells e agora não sei se vou ter condições de defender meu país na Copa Davis." Nem todos os jogadores seguem, porém, esta exigência da ATP.Milionários como Pete Sampras dão de ombros para a obrigatoriedade de participar dos nove Masters Series, não se preocupam mais com estes bônus de participações e, especialmente Sampras, costuma alegar contusões para ficar fora de competições no saibro como Monte Carlo, Roma ou Hamburgo. Jamais partipa destes três torneios num mesmo ano.Sempre sai de um ou dois.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.