Saída de Guga gera indefinição na Davis

Com a desistência de Gustavo Kuerten de jogar a Copa Davis e a possível adesão de Flávio Saretta, o time brasileiro estaria sem atrativos para manter-se a Costa do Sauípe como sede do confronto com o Paraguai, marcado para 9 a 11 de abril. A Octagon Koch Tavares já teria, inclusive, pago R$ 200 mil para Confederação Brasileira de Tênis para organizar o evento, mas agora os jogos perdem o interesse e, consequentemente, seu valor.Sem Guga, e possivelmente Saretta, as opções do Brasil ficam com André Sá, que não se pronunciou, mas é treinado por Jaime Oncins e deve seguir na equipe. Outro tenista com condições de jogar é Ricardo Mello, mas ele também pode aderir ao boicote, pois participou de todas as reuniões de jogadores na Costa do Sauípe.Assim, o atual técnico Jaime Oncins teria de recorrer a jogadores juvenis, ou outros que não estão em boas colocações no ranking, como Alexandre Simoni, ou jovens como Leonardo Kirche, Bruno Soares (que pode também não aceitar a convocação) e Franco Ferreiro (que é treinado por Ricardo Acioly e não deve atender a uma convocação).Pelo ranking desta semana, depois de Guga, 16º colocado, Saretta 46º, e Ricardo Mello, 132º, os melhores são Marcos Daniel, 192º, André Sá, 198º, Franco Ferreiro, 232º, Francisco Costa, 265º, Bruno Soares, 266º, e Alexandre Simoni 304º.Enfim, restam poucas opções, pois os tenistas não têm obrigação de atender a uma convocação da Copa Davis. Jogadores como Pete Sampras ou Andre Agassi costumavam não aceitar o convite, reservando estas semanas para descanso ou preparação para outros torneios. O croata Goran Ivanisevic, número 1 de seu país, também recusou-se a participar de um confronto por causa de divergências com Federação da Croácia.Ainda assim, nos próximos dias, a CBT irá fazer a convocação para os jogos com o Paraguai. Mas o provavel é que novos acordos devam ser feitos. Afinal, o Brasil sem Guga poderia enfrentar o Paraguai em uma sede mais modesta, sem precisar usar a sofisticada Costa do Sauípe, com um estádio para 4,5 mil pessoas.

Agencia Estado,

09 de março de 2004 | 17h52

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.