Saretta estréia com vitória no Challenger de Assunção

Em sua luta para voltar à boa forma física e técnica e atrás de melhores posições no ranking mundial da ATP - já foi o número 44 em 2005 - o brasileiro Flávio Saretta teve uma ótima estréia no Torneio Challenger de Assunção, que vale como a terceira etapa da Copa Petrobras. Nesta segunda-feira, o paulista derrotou o colombiano Michael Quintero por 2 sets a 0 - com parciais de 6/4 e 6/1.Na próxima rodada, já pelas oitavas-de-final, Saretta deverá ter um compromisso bem mais difícil. Seu rival sairá do confronto entre o sérvio Boris Pashanski (cabeça-de-chave 8 e seu parceiro na chave de duplas) e o português Rui Machado, que se enfrentam nesta terça.Outro brasileiro não teve sorte na sua estréia em Assunção. O brasileiro André Ghem foi eliminado pelo argentino Alejandro Fabbri, que venceu por 2 sets a 0 - com parciais de 7/6 (7/4) e 6/1.FLORIANÓPOLIS - O paulista Ricardo Mello, ex-número 1 do Brasil e atual 189.º do ranking da ATP, não teve problemas em sua estréia no Torneio Challenger de Florianópolis. Nesta segunda, Mello derrotou o compatriota Guilherme Clezar, convidado da organização, por 2 sets a 0 - com parciais de 6/1 e 6/3."Joguei de maneira sólida e consegui impor meu ritmo. Acho que foi uma boa partida para começar", disse Mello, que agora nas oitavas-de-final enfrenta o vencedor do jogo entre o argentino Diego Junqueira, o cabeça-de-chave número 1, contra o brasileiro Rodrigo Grilli.O chileno Nicolas Massu, segundo pré-classificado, teve que correr bastante para vencer sua estréia. Contra o brasileiro Daniel Silva, venceu por 2 sets a 0 - com parciais de 6/4 e 7/5. Seu próximo rival será o também brasileiro Eric Gomes, que passou fácil pelo compatriota Yuri Radomsky (convidado) por 2 a 0 (6/2 e 6/4).Em outro duelo brasileiro, André Miele avançou às oitavas-de-final ao derrotar, com facilidade, Rodrigo Schaefer por 2 sets a 0 - com parciais de 6/2 e 6/0.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.