Saretta volta a jogar por volta das 15h

Flávio Saretta já estava prestes a dizer adeus ao US Open de 2004, quando sua partida diante do alemão Florian Mayer foi suspensa por causa da chuva. O brasileiro perdia por 6-4, 6-2 e 5 a 1 com saque para o adversário. O jogo só será reiniciado nesta terça-feira, na quadra dez, por volta das 15 horas de Brasília. A chuva só deve adiar a despedida de Saretta do torneio. O tenista brasileiro, como mostra o placar, está em situação bastante difícil na partida e só um milagre poderia salvá-lo agora. O pior é que o brasileiro começou bem melhor e deu esperanças de avançar na competição. Estava com um jogo consistente, bons golpes e chegou a liderar o primeiro set por 4 a 2. Bastou, porém, perder o seu serviço para deixar também ir embora a concentração e seu bom tênis. Uma possível derrota poderá levar Saretta a perder posições no ranking mundial. Afinal, defende pontos da terceira rodada do US Open, no ano passado. Brasileiros - Nesta terça-feira, Saretta será o único brasileiro a entrar em quadra. Ricardo Mello e Gustavo Kuerten só estrearão no torneio na quarta-feira. Mello jogará com o argentino Juan Ignacio Chela, enquanto Guga pega o dinamarquês Kristian Pless. Em duplas, Kuerten e André Sá enfrentam nesta terça-feira Mark Knowles, das Bahamas, e Daniel Nestor, do Canadá. De botas - Uma das sensações da rodada de abertura do US Open não foi a boa estréia de Andre Agassi, nem mesmo a despedida de Todd Martin do circuito, mas sim a estranha roupa de Serena Williams. A norte-americana apareceu para jogar diante da checa Sandra Kleinova usando uma espécie de botas. Estava ainda com um saiote de jeans e uma blusa preta com botões prateados, num estilo meio punk. "Resolvi usar a bota apenas para o aquecimento", disse Serena que venceu Kleinova por 6-1 e 6-3, e retirou a parte superior do seu calçado para a partida. "Me senti confortável, achei o equipamento muito legal e talvez use durante todo um jogo." Enquanto isso, Todd Martin depois de perder para Fabrice Santoro por 4-6, 6-4, 6-4 e 7-5, anunciou que vai encerrar a carreira. Andre Agassi, que também pode se aposentar após o US Open estreou com vitória sobre Robby Ginepri por 7-6 (7/5), 6-4 e 6-2.

Agencia Estado,

31 Agosto 2004 | 09h27

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.