Satisfeito, Ricardo Mello diz que esperava dificuldade

'Você tem certeza de que tem um monte de gente torcendo por você ali, e a cada jogo você acaba se doando mais', afirma o tenista

AE, Agência Estado

17 de setembro de 2010 | 16h05

A batalha de cinco sets e mais de quatro horas para derrotar o indiano Somdev Devvarman não surpreendeu Ricardo Mello. O tenista brasileiro garantiu que já esperava um duelo longo e equilibrado, e comemorou o triunfo, que deixou o País mais perto de voltar a jogar na elite da Copa Davis. Agora, é necessário apenas uma vitória nos três jogos restantes do confronto pela repescagem, disputado em Chennai, já que o Brasil lidera a série por 2 a 0.

 

Veja também:

link Ricardo Mello vence e deixa Brasil perto da elite da Davis

"Eu já esperava um jogo de longos pontos e foi isso que aconteceu. Tirando os três primeiros games, que ele ganhou com facilidade, todos os pontos foram duríssimos. Perdi um terceiro set duro, mas eu continuei no jogo, no quarto set consegui uma quebra, isso me animou bastante e eu tratei de continuar jogando bastante agressivo, e consegui essa boa vantagem para o Brasil", afirmou.

Mello revelou que o fato de jogar com o apoio de vários companheiros deu mais motivação para o duelo desta sexta-feira. "No circuito normal nós viajamos sozinhos ou junto com o técnico. Aqui você tem certeza de que tem um monte de gente torcendo por você ali, e a cada jogo você acaba se doando mais, tem a ajuda da equipe ali do lado, e isso te leva a se doar até o fim", comentou.

Agora, Mello espera que a definição do confronto com a Índia aconteça no jogo de duplas, no sábado, ou com Thomaz Bellucci, no primeiro jogo de simples do domingo. "Se precisar jogar o último jogo espero estar pronto. Mas seria muito bom se o confronto fosse decidido o quanto antes. Se precisarem de mim, vou me preparar pra fazer o melhor", disse.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.