Larry W. Smith/ EFE
Larry W. Smith/ EFE

Sem entrar em quadra, Federer avança em Indian Wells após desistência de Kyrgios

Adversário do suíço desiste de competir após passar mal

Estadao Conteudo

17 de março de 2017 | 15h30

O suíço Roger Federer sequer precisou entrar em quadra para se garantir na semifinal do Masters 1000 de Indian Wells, disputado em quadras duras, nos Estados Unidos. Nesta sexta-feira, horas antes do início do jogo, o seu adversário - o australiano Nick Kyrgios - notificou sua desistência após passar mal durante a madrugada.

Mais famoso pelas polêmicas dentro e fora de quadra, o atual tenista número 16 do mundo havia surpreendido nas oitavas o sérvio Novak Djokovic, vice-líder do ranking da ATP. Mas, depois de passar a madrugada sem dormir por conta de uma intoxicação alimentar, o australiano julgou que não estava em condições de enfrentar Federer.

Leia Também

Tudo sobre tênis

"Infelizmente não estou apto para jogar hoje (sexta-feira) porque estou doente. No momento acreditamos que seja um intoxicação alimentar, e estamos rezando para que não seja nada pior", comentou o tenista no Twitter.

Kyrgios acrescentou ainda que, embora quisesse muito jogar, ele não se vê em condições de enfrentar Federer após uma noite sem dormir. "Eu estou cansando após uma noite insone, e para jogar e ter chances contra um grande campeão como Roger preciso estar em minhas melhores condições. Não foi uma decisão fácil. São por essas partidas que treinamos, mas não estou em condições de ir à quadra."

Atual número 10 do mundo e algoz do espanhol Rafael Nadas nas oitavas, Federer aguarda o vencedor do duelo entre o norte-americano Jack Sock e o japonês Kei Nishikori, também programado para esta sexta-feira. O suíço, inclusive, comentou em seu Twitter a desistência de Kyrgios: "Espero que você melhore".

Tudo o que sabemos sobre:
Indian WellstênisRoger Federer

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.