Edgar Su/Reuters
Edgar Su/Reuters

Serena arrasa Bouchard e se mantém viva no Masters da WTA

Tenista norte-americana atropela canadense por 2 sets a 0, com duplo 6/1, e passa a ocupar a vice-liderança do Grupo Vermelho

Estadão Conteúdo

23 de outubro de 2014 | 11h45

Um dia depois de ter sido arrasada de forma surpreendente pela romena Simona Halep, Serena Williams reagiu em grande estilo nesta quinta-feira. A norte-americana atropelou a canadense Eugenie Bouchard por 2 sets a 0, com duplo 6/1, para se manter viva na briga por uma vaga nas semifinais do Masters da WTA, torneio que reúne as oito melhores tenistas da temporada, em Cingapura.

Com o resultado desta quinta, Serena fechou a primeira fase da competição com duas vitórias e uma derrota. Assim, ela passou a ocupar a vice-liderança do Grupo Vermelho, enquanto a sérvia Ana Ivanovic está em terceiro lugar, com um triunfo e uma derrota em dois jogos disputados. Já Halep lidera com 100% de aproveitamento em dois confrontos disputados. Com três derrotas em três partidas, Bouchard está eliminada.

No fechamento deste Grupo Vermelho, Ivanovic enfrentará Halep nesta sexta-feira, quando uma vitória da sérvia poderá embolar a disputa pelas duas vagas desta chave nas semifinais, provocando a utilização dos critérios de desempate para definir as classificadas.

Serena, por sua vez, precisa chegar à final em Cingapura para se manter no topo do ranking sem depender do desempenho de Maria Sharapova, atual vice-líder. A russa, porém, acumula duas derrotas em dois jogos na competição e corre sério risco de ser eliminada já nesta sexta-feira, quando enfrentará a polonesa Agnieszka Radwanska.

Para confirmar o seu favoritismo nesta quinta-feira, Serena precisou de apenas 57 minutos em quadra. Diante de uma estreante no Masters da WTA, ela se impôs desde o início. No primeiro set, a tenista número 1 do mundo aproveitou três de oito chances de quebrar o saque da adversária e confirmou todos os seus serviços para fazer 6/1.

Já na segunda parcial, a norte-americana converteu dois de quatro break points e não ofereceu nenhuma oportunidade de quebra de saque à canadense para repetir o 6/1 que liquidou o jogo, despachando assim a jovem revelação de 20 anos do torneio.

Tudo o que sabemos sobre:
tênisMasters da WTASerena Williams

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.