Sam Hodgson/The New York Times
Sam Hodgson/The New York Times

Serena atinge 150ª semana seguida no topo do ranking da WTA

Americana está próxima de completar 3 anos consecutivos na ponta

Estadão Conteúdo

28 de dezembro de 2015 | 13h01

Faltando apenas uma semana para o início da temporada 2016 do tênis, Serena Williams atingiu nesta segunda-feira mais um feito que confirma o seu domínio do esporte. A norte-americana completou a marca de 150 semanas como número 1 do mundo. E não será fácil tirá-la da ponta do ranking da WTA, pois Serena soma 9.945 pontos, com quase 4 mil de vantagem para a segunda colocada, a romena Simona Halep, com 6.060.

Serena é a número 1 do mundo desde 18 de fevereiro de 2013, logo após ser vice-campeã do Torneio de Doha, quando assumiu a ponta do ranking pela primeira vez desde que lesões quase abreviaram a sua carreira, a deixando afastada das quadras por 11 meses, entre 2010 e 2011.

Com as 150 semanas atingidas nesta segunda-feira, Serena está a apenas seis de igualar a segunda maior sequência na liderança do ranking, de Martina Navratilova, entre 14 de junho de 1982 e 9 de junho de 1985 - a maior série é de Steffi Graf, com 186 semanas, entre 17 de agosto de 1987 e 10 de março de 1991.

Desde que recuperou a condição de número 1 do mundo, Serena venceu 171 partidas e sofreu apenas 13 derrotas. Além disso, ela venceu 22 dos 39 torneios disputou, incluindo 6 de 11 Grand Slams.

Serena, porém, não joga desde setembro, quando perdeu para a italiana Roberta Vinci nas semifinais do US Open. Ela está prevista para voltar a entrar em quadra em 4 de janeiro, quando ela e Jack Sock vão defender os Estados Unidos na Copa Hopman, torneio amistoso por equipes disputado em Perth, na Austrália.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.