Edgar Su/Reuters
Edgar Su/Reuters

Serena minimiza pressão após volta com vitória e diz que não terá 'nada a perder'

Serena, atual número 22 da WTA, se afastou do circuito após vencer o Aberto da Austrália do ano passado, ao descobrir que estava grávida, mas voltou a treinar

Estadao Conteudo

09 Março 2018 | 18h14

Serena Williams estreou com vitória no Torneio de Indian Wells, em partida que marcou seu retorno às quadras nos duelos de simples. Satisfeita com o desempenho ao bater Zarina Diyas, do Casaquistão, por 7/5 e 6/3, a ex-número 1 do mundo evitou fazer prognósticos na próxima fase da competição.

+ Serena Williams publica carta emocionante para a mãe

"Não tenho nada a perder, só tenho a ganhar. Poderia jogar como hoje por anos. Para mim é um grande divertimento estar em quadra", disse a tenista. "Para esse torneio, vou pegar leve sem muito stress ou expectativas. Essa é uma das poucas vezes que posso fazer isso. E está sendo muito divertido", completou.

Na segunda rodada, Serena terá pela frente a holandesa Kiki Bertens, cabeça de chave número 29 do torneio. Se passar, poderá enfrentar sua irmã Venus na terceira rodada. Isso se Venus também derrotar a romena Sorana Cirstea.

Muito provavelmente Indian Wells será mesmo uma das poucas competições que ela entrará sem pretensões de vencer. Isso porque Serena, de 36 anos, está a uma conquista de igualar o recorde de títulos de Grand Slam, que pertence a australiana Margaret Court, com 24 troféus.

+ Serena Williams revela sustos e complicações pós-parto

"Vou voltar ao meu melhor nível ainda. Mas será uma jornada para mim. Não vou chegar instantaneamente. Vou passo a passo até chegar lá", comentou Serena, que agora conta também com a obrigação de cuidar da filha Alexis, de seis meses.

"Quase chorei antes do jogo (risos). Me despedi da Alexis e pensei: 'será que é normal querer chorar, porque sinto realmente a falta dela. Jogar à noite ajuda, porque sei que ela vai para cama cedo. Então sei que nessa hora não estaria brincando com ela, então não há nada que eu poderia fazer.

+ Serena diz que filha é motivação para buscar recorde de Margaret Court

Serena, atual número 22 da WTA, se afastou do circuito após vencer o Aberto da Austrália do ano passado, ao descobrir que estava grávida. No início do ano ela voltou a treinar e até então só havia participado de um jogo de duplas, no duelo dos Estados Unidos contra a Holanda, pela Fed Cup, em fevereiro. Na ocasião, atuou ao lado da irmã Venus, e perdeu para Demi Schuurs e Lesley Kerkhove por 2 sets a 0.

Mais conteúdo sobre:
tênis Serena Williams

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.