Mark Blinch/Reuters
Mark Blinch/Reuters

Serena Williams anuncia retorno ao circuito no dia 10, em Lexington

Norte-americana, ex-número 1 do mundo, não entra em quadra desde fevereiro

Redação, Estadao Conteudo

17 de julho de 2020 | 07h19

Serena Williams já tem data marcada para voltar às quadras. Há cinco meses sem jogar, a ex-número 1 do mundo no tênis fará seu retorno no novo Torneio de Lexington, nos Estados Unidos. A competição, que substituiu Washington no calendário da WTA, terá início no dia 10 de agosto.

A dona de 23 títulos de Grand Slam não entrar em quadra desde que defendeu a equipe dos Estados Unidos em duelo contra a Letônia, pela Fed Cup, em fevereiro. No mês seguinte, os circuitos masculino e feminino decidiram paralisar as competições em razão da pandemia do novo coronavírus.

O Torneio de Lexington será preparatório para o US Open, primeiro Grand Slam a ser disputado após a retomada do circuito. A competição em Nova York está marcada para começar em 31 de agosto, mas sua realização vem sendo questionada por tenistas e lideranças do esporte por conta do risco de contaminação, justamente no momento em que os EUA apresentam elevação no número de casos de covid-19.

Serena já havia declarado que pretende disputar o US Open, onde poderá alcançar o recorde de 24 títulos de Slam, da australiana Margaret Court. A americana vem perseguindo, sem sucesso, esta marca nos últimos anos.

O circuito feminino vai retornar no dia 3 de agosto, com a disputa do Torneio de Palermo, na Itália. A competição será feita em quadras de saibro. Na semana seguinte, Lexington terá quadras duras, assim como será no US Open.

Tudo o que sabemos sobre:
tênisSerena Williams

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.