Kamran Jebreilli/AP
Kamran Jebreilli/AP

Serena Williams diz que tédio de treinos a levou a jogar em Dubai

Ainda distante das condições ideais, número 1 do ranking quer começar a recobrar o ritmo

AE-AP, Agência Estado

17 de fevereiro de 2014 | 15h01

DUBAI - Serena Williams diz que ela pediu um convite para participar do Torneio de Dubai para combater o tédio, após o diagnóstico de que ela está evoluindo na recuperação da lesão nas costas, mesmo que ainda não esteja 100%. Assim, a número 1 do mundo admitiu que entrará em quadra longe das condições ideais.

"Minhas costas finalmente começaram a ficar melhores, mas não melhor no nível suficiente que eu gostaria para jogar em Doha", disse Serena, nesta segunda-feira. "Então, foi mais sobre onde eu poderia jogar e (Dubai) era o próximo no calendário. É chato ter que treinar todos os dias. Eu estava tipo "Eu não quero treinar mais. Eu quero jogar um jogo'", completou.

A norte-americana estava afastada das quadras desde a sua derrota nas oitavas de final do Aberto da Austrália, no mês passado, para a sérvia Ana Ivanovic. Em Dubai, além de participar do torneio de simples, Serena vai jogar a chave de duplas ao lado da irmã Venus Williams.

"Eu acho que realmente vai ser bom para mim, porque vai me dar um pouco mais de ritmo de jogo", disse Serena. "Eu preciso me acostumar com as condições e me movimentar, por isso, será realmente útil", concluiu a líder do ranking da WTA.

Tudo o que sabemos sobre:
tênisTorneio de DubaiSerena Williams

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.