Sharapova cede só 3 games em 2 jogos

Maria Sharapova cedeu apenas três games em dois jogos. Na estréia venceu Eleni Daniilidou por 6/1 e 6/1, e hoje, apesar de passar fácil por Dally Randriantely, ao marcar 6/1 e 6/0, a mais badalada jogadora do momento pediu mais de uma hora para a entrevista coletiva. Em jogos tranqüilos, sem desgastes, os tenistas costumam ir quase que direto para os compromissos. Mas a espera teve um bom motivo. A russa parece que entrou numa sessão de salão de beleza e chegou a sala de entrevistas com um vestidinho verde, um casaquinho branco com o colo aparente e muitas jóias. Brincos longos e colar de ouro. A situação logo provocou uma pergunta. Será que Sharapova é mais tenista ou artista? O publico quer vê-la jogando e não vai aos seus jogos para conhecer uma superstar. Sem se incomodar com a curiosidade, a numero dois do mundo revelou estar bem preparada em todos aspectos. "Sou uma jogadora de tênis. Meus resultados mostram isso. Estou bem concentrada neste torneio, em que espero chegar longe", contou. "Mas se existem pessoas que vem assistir aos meus jogos por outra razão, tenho de respeitar. Tudo faz parte. Esta é a vida." É difícil ?pegar? Sharapova em uma contradição ou um deslize. Os últimos rumores indicam um relacionamento com Anda Roddick, surpreendentemente eliminado na primeira rodada do US Open, por Gilles Muller, em três tie breakers. Novamente, a russa saiu-se bem. "Sim eu vi alguns games do jogo dele, enquanto fazia massagem. Mas como vocês sabem e eu sempre digo, é difícil uma primeira rodada e o outro cara jogou muito bem." De uma certa forma, a tenista esteve ao lado de Roddick quando comentou os compromissos com patrocinadores não podem ser colocados como culpado pela derrota, como sugeriram os norte-americanos no caso de Roddick. "Costumo ter uma programação bastante rígida ao destinar meu tempo para publicidade e outros compromissos. Alem disso, os patrocinadores sabem que não ganhamos todas as vezes que entramos em quadra." Além de Sharapova, outras duas favoritas avançaram para a terceira rodada. Km Clijsters passou por Fabiola Zuluaga por 75 e 6/0, enquanto Venus Williams marcou 6/1 e 6/3 em Maria Kirilenko. No masculino, Lleyton Hewitt ganhou de Albert Costa por 6/1, 6/2 e 6/1.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.