Sharapova perto de ser a número 1

Depois de cinco semanas, Maria Sharapova voltou às quadras e nesta quarta-feira, na estréia no Torneio de Los Angeles, derrotou a compatriota Maria Kirilenko por 2 sets a 0, com parciais de 7/6 (9/7) e 6/2.Com o resultado, a tenista está muito perto de se tornar a primeira mulher russa líder do ranking mundial - bastam outras duas vitórias para ultrapassar a atual líder, Lindsay Davenport. "Estou mais preocupada em ganhar o torneio do que ser número um", desconversou. Sharapova não jogava desde junho, quando caiu no Torneio de Wimbledon.A musa sentiu o tempo longe das quadras e teve uma atuação ruim no início do jogo. "Estava meio enferrujada", admitiu. Sua adversária, no entanto, culpou a arbitragem pela derrota. Kirilenko acusou o juiz de três marcações erradas no tie-break. "Nunca vi tantos erros na minha vida."Após o fim do jogo, Kirilenko se recusou a cumprimentar o juiz.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.