Filippo Monteforte/AFP
Filippo Monteforte/AFP

Sharapova supera australiana e vai às quartas de final em Roma

Russa derrota Daria Gavrilova por 2 sets a 0, com parciais de 6/3 e 6/4

Estadão Conteúdo

17 Maio 2018 | 15h26

A russa Maria Sharapova segue irresistível no Torneio de Roma e fez mais uma vítima nesta quinta-feira. A tenista número 40 do ranking encarou a australiana Daria Gavrilova, 24.ª do ranking, e não teve maiores dificuldades para vencer por 2 sets a 0, com parciais de 6/3 e 6/4.

+ Keys desiste de Roma, Halep avança às quartas por W.O. e garante ponta do ranking

+ Muguruza desperdiça match points, leva virada e é eliminada em Roma

Sharapova se impôs nesta quinta apesar do dia inconstante no serviço. Se encaixou sete aces, contra um da adversária, a russa teve o saque quebrado em quatro oportunidades. Por outro lado, ela compensou aproveitando sete dos 15 break points que teve.

Com o triunfo, Sharapova segue em busca de seu 37.º título na carreira, o primeiro em 2018. Se vencer em Roma, a russa vai faturar apenas seu segundo título desde que voltou de longa suspensão por doping no ano passado.

Para isso, ela terá que passar pelas quartas de final. Na próxima fase da competição, Sharapova terá pela frente a letã Jelena Ostapenko, atual campeã de Roland Garros, que avançou ao bater a britânica Johanna Konta por 2 sets a 1, de virada, com 2/6, 6/3 e 6/4.

Em outro confronto encerrado nesta quinta pelo Torneio de Roma, a norte-americana Venus Williams foi surpreendida pela estoniana Anett Kontaveit. Número 9 do mundo e oitava cabeça de chave na capital italiana, ela não resistiu à 26.ª colocada do ranking e caiu por 2 sets a 0, com parciais de 6/2 e 7/6 (7/3).

Kontaveit soube atacar o serviço da veterana de 37 anos e confirmou três quebras de serviço. Com o triunfo, ela terá pela frente nas quartas de final a vencedora do duelo entre a dinamarquesa Caroline Wozniacki, número 2 do mundo, e a letã Anastasija Sevastova, 15.ª cabeça de chave.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.