Frederick Florin / AFP
Frederick Florin / AFP

Simon espanta 'zebra' alemã e é campeão em Metz pela terceira vez

Francês subirá 10 posições na próxima atualização do ranking da ATP

Estadão Conteúdo

23 de setembro de 2018 | 15h06

O francês Gilles Simon se sagrou campeão do Torneio de Metz neste domingo ao derrotar o alemão Matthias Bachinger, número 166 do ranking. Simon superou um primeiro set difícil, assumiu o controle da partida e usou toda a sua experiência contra Bachinger para fechar o jogo pelo placar de 2 sets a 0, com parciais de 7/6 (7/2) e 6/1, em 1h19min.

Bachinger disputava sua primeira final no circuito da ATP, depois de derrotar o número 12 do mundo, o japonês Kei Nishikori, que era o principal candidato ao título, na rodada anterior. Já Simon, atual 39º do mundo, tentava o segundo troféu da temporada.

Diante da torcida francesa, o tenista da casa apostou no saque para dominar o rival. Assim, disparou dez aces na partida e converteu 85% dos pontos quando jogou com o primeiro serviço. Simon chegou a sofrer uma quebra, no set inicial, mas não teve ameaçada a sua vitória, ao aplicar três quebras ao rival.

Além do Metz, Bachinger e Simon se enfrentaram duas vezes, com duas vitórias do jogador da França, que ocupa o 39º lugar no ranking mundial. Os confrontos foram em Bangcoc, em 2011, e em Bucareste, em 2012.

Com a conquista, Simon conseguirá avançar 10 posições e retornará ao Top 30 do ranking. Em 2009, ele esteve entre os 10 primeiros do mundo e atingiu o sexto lugar, sua melhor posião da carreira. Foi a terceira vez que o francês ganhou o título em Metz, depois de vitórias em 2010 e 2013, e também o seu 14º título no circuito.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.