Vipcomm
Vipcomm

Soares e Melo vencem nas duplas e vão se encarar em Montecarlo

Tenistas brasileiros tiveram um bom começo na competição

Estadão Conteúdo

15 de abril de 2015 | 12h25

Os tenistas brasileiros tiveram um bom começo na chave de duplas do Masters 1000 de Montecarlo, disputado em quadras de saibro. Nesta quarta-feira, com seus parceiros habituais, Bruno Soares e Marcelo Melo triunfaram nas respectivas estreias e agora vão duelar nas quartas de final.

Atuais vice-campeões em Montecarlo e cabeças de chave número 2, Melo e o croata Ivan Dodig derrotaram os monegascos Romain Arneodo e Benjamin Balleret, convidados da organização, por 2 sets a 0, com parciais de 7/6 (7/2) e 6/2, em 1 hora e 2 minutos.

Melo e Dodig chegaram a perder o saque no sétimo game do primeiro set, mas depois reagiram, levaram a parcial para o tie-break e acabaram triunfando. A segunda parcial foi mais tranquila, com o brasileiro e o croata abrindo 4/1 ao converterem break points no terceiro e quinto games. Assim, venceram por 6/2.

Já Bruno Soares e o austríaco Alexander Peya tiveram mais dificuldades para avançar. Os cabeças de chave número 7 derrotaram os alemães Philipp Kohlschreiber e Florian Mayer por 2 sets a 1, com parciais de 6/4, 5/7 e 10/6, em 1 hora e 24 minutos.

O primeiro set do duelo teve cinco quebras de serviço nos dez games disputados, sendo três favoráveis a Soares e Peya. No segundo parcial, porém, foram os alemães que se deram melhor, triunfando por 7/5, depois de converterem dois break points e só perderem o saque uma vez.

Assim, a definição do duelo seguiu para o match tie-break, vencido por Soares e Peya. Agora, nas quartas de final, eles vão tentar ampliar o retrospecto diante de Melo e Dodig, a quem bateram nos cinco confrontos anteriores.

SIMPLES

O canadense Milos Raonic avançou na sua partida de estreia na chave de simples do Masters 1000 de Montecarlo. O número 6 do mundo precisou de 1 hora e 26 minutos para derrotar o português João Sousa, 56º colocado no ranking, por 2 sets a 0, com parciais de 6/3 e 7/6 (7/4). O espanhol Tommy Robredo será o seu adversário nas oitavas de final.

Número 14 do mundo, o francês Jo-Wilfried Tsonga avançou às oitavas de final ao vencer o belga David Goffin (21º) por 2 sets a 0, com parciais de 6/3 e 6/4, em 1 hora e 24 minutos. Seu próximo oponente vai ser o croata Marin Cilic.

Já o norte-americano John Isner (19º) se classificou às oitavas de final ao derrotar o sérvio Viktor Troicki (37º) por 2 sets a 0, com um duplo 7/6, numa partida em que disparou 16 aces. Ele vai duelar na próxima rodada com o espanhol Rafael Nadal.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.