Glyn Kirk/AFP
Glyn Kirk/AFP

Masters 1000 de Montecarlo: Soares e Murray avançam na estreia

De virada, dupla derrota indiano Rohan Bopanna e britânico Dominic Inglot por 2 sets a 1, com parciais de 4/6, 6/3 e 13/11

Redação, Estadão Conteúdo

14 de abril de 2019 | 16h30
Atualizado 15 de abril de 2019 | 16h09

Bruno Soares começou com uma sofrida vitória a sua participação no Masters 1000 de Montecarlo. Neste domingo, pela primeira rodada da chave de duplas, o brasileiro e o britânico Jamie Murray derrotaram de virada o indiano Rohan Bopanna e o também britânico Dominic Inglot por 2 sets a 1, com parciais de 4/6, 6/3 e 13/11.

Pesou para o triunfo a dificuldade de Bopanna e Inglot no saque, com oito duplas faltas. Mas após cada dupla vencer um set, Soares e Murray salvaram três break points antes de assegurarem o triunfo no match tie-break.

Agora, pelas oitavas de final do evento monegasco, eles vão encarar o croata Ivan Dodig e o francês Edouard Roger-Vasselin ou o indiano Divij Sharan e o sérvio Laslo Djere.

Soares e Murray compõem a dupla terceira cabeça de chave do Masters 1000 de Montecarlo e foram vice-campeões do evento monegasco em 2016 - o brasileiro também foi finalista em 2011, em parceria com o argentino Juan Ignacio Chela.

Simples do Masters 1000 de Montecarlo

No primeiro dia da chave de simples do Masters 1000 de Montecarlo, o suíço Stan Wawrinka, campeão do evento em 2014 e número 36 do mundo, venceu o francês Lucas Pouille (31º) por 7/5 e 6/3. O búlgaro Grigor Dimitrov (29°) derrotou o italiano Matteo Berrettini (54°) por 7/5 e 6/4. E o croata Borna Coric, número 13 do mundo, passou pelo polonês Hubert Hurkacz (52°) por 6/4, 5/7 e 7/5.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.