Soares e Peya vencem e vão à final nas duplas na Basileia

As duplas brasileiras estão mesmo em alta no circuito da ATP. Depois de Marcelo Melo garantir a liderança do ranking, outro tenista do País está fazendo bonito esta semana. Ao lado de Alexander Peya, Bruno Soares garantiu vaga na decisão do Torneio da Basileia neste sábado, ao passar por Jean-Julien Rojer e Horia Tecau por 2 sets a 0, com parciais de 6/3 e 7/6 (7/5).

Estadão Conteúdo

31 de outubro de 2015 | 17h29

Para avançar à decisão, Soares e Peya precisaram superar o favoritismo do holandês Rojer e do romeno Tecau, cabeças de chave número 2 do torneio. Além disso, mostraram um pouco do tênis de outros anos, em meio a uma temporada cheia de altos e baixos para o brasileiro e o austríaco.

O bom aproveitamento no saque - foram cinco aces - foi fundamental para que Soares e Peya vencessem. Agora, eles vão enfrentar na decisão outra dupla cabeça de chave na Basileia: o britânico Jamie Murray e o australiano John Peers, que venceram nas semifinais Dominic Inglot e Robert Lindstedt por 2 sets a 1, com parciais de 7/5,1/6 e 12/10.

O curioso é que a partir do ano que vem, Bruno Soares deixará de atuar ao lado de Peya para ter justamente Jamie Murray como parceiro. Enquanto isso não acontece, o brasileiro e o austríaco seguem em busca de uma vaga no ATP Finals, que reúne os oito melhores tenistas da temporada no fim do ano. Atualmente, eles estão em nono.

VALÊNCIA - Se Soares foi à decisão, André Sá parou nas semifinais da chave de duplas do Torneio de Valência. Ele e o australiano Chris Guccione caíram por 2 sets a 0 diante dos norte-americanos Eric Butorac e Scott Lipsky, com parciais de 7/6 (7/4) e 7/6 (7/3). Agora, Butorac e Lispky enfrentam o espanhol Feliciano López e o bielo-russo Max Mirnyi na decisão.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.