Soares e Peya vencem e vão às semifinais em Acapulco

A dupla formada pelo brasileiro Bruno Soares e o austríaco Alexander Peya garantiu vaga nas semifinais do Torneio de Acapulco nesta quinta-feira. Cabeças de chave número da competição, eles passaram por Frantisek Cermak, da República Checa, e Michal Mertinak, da Eslováquia, com certa facilidade, por 2 sets a 0, com parciais de 6/4 e 6/1, em apenas uma hora de jogo.

AE, Agência Estado

28 de fevereiro de 2013 | 22h44

Na briga por uma vaga na final, Soares e Peya enfrentarão os vencedores do confronto entre os italianos Fabio Fognini e Simone Bolelli e os colombianos Robert Farah e Juan Sebastian Cabal.

Para chegar à vitória nesta quinta, Soares e Peya contaram com um serviço sólido, vencendo 88% dos pontos em que acertaram o primeiro saque. No primeiro set, eles sequer deram um break point para os adversário e, no total, conseguiram cinco quebras no serviço de Cermak e Mertinak.

SIMPLES - Na chave de simples, o espanhol David Ferrer derrotou o italiano Paolo Lorenzi e também chegou às semifinais. Cabeça de chave número 1 do torneio, ele passou com facilidade pelo número 57 do ranking da ATP em dois sets, com parciais de 6/3 e 6/1, em 1h12min.

Na briga por uma vaga na decisão, Ferrer terá pela frente outro italiano: Fabio Fognini. O número 43 do mundo também garantiu vaga nas semifinais nesta quinta-feira, ao derrotar o colombiano Santiago Giraldo, por 2 sets a 0, com parciais de 7/5 e 6/4, em 1h28min.

Tudo o que sabemos sobre:
tênisTorneio de AcapulcoBruno Soares

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.