Soderling bate Davydenko e vai à final em Roterdã

Em confronto entre dois dos dez melhores tenistas do mundo, o sueco Robin Soderling derrotou o russo Nikolay Davydenko por 2 sets a 0, com parciais de 7/6 (7/3) e 6/4, em 1 hora e 43 minutos e se classificou para a decisão do Torneio de Roterdã, na Holanda. Na final, Soderling vai enfrentar o vencedor do jogo entre o sérvio Novak Djokovic e o russo Mikhail Youzhny.

AE, Agencia Estado

13 de fevereiro de 2010 | 13h17

Sexto colocado no ranking da ATP, Davydenko vinha fazendo uma campanha impecável, sem ter perdido nenhum set até semifinal. Porém, não conseguiu resistir ao número 8 do mundo, que ampliou a sua vantagem no confronto direto. Os dois tenistas já se enfrentaram 11 vezes, com sete vitórias de Soderling e quatro de Davydenko.

Neste sábado, o tenista sueco conseguiu uma quebra de serviço no sétimo game e abriu 5/2. Soderling, porém, não conseguiu confirmar o seu serviço e conseguiu vencer o primeiro set apenas no tie-break. Na segunda parcial, o sueco obteve uma quebra de serviço e triunfou por 6/4.

O Torneio de Roterdã é disputado em quadras rápidas, dá 500 pontos ao campeão e distribui 1,15 milhão de euros em prêmios.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.