Don Emmert/AFP
Don Emmert/AFP

Stephens avança às quartas de final do US Open e Svitolina é eliminada

Norte-americana se classifica com vitória sobre a belga Elise Mertens, por 2 sets a 0

Estadão Conteúdo

02 Setembro 2018 | 22h46

A norte-americana Sloane Stephens segue firme na defesa do título do US Open conquistado em 2017. Na noite deste domingo, a número 3 do mundo avançou às quartas de final com a vitória sobre a belga Elise Mertens, 15ª colocada no ranking da WTA, por 2 sets a 0, com duplo 6/3, em 1 hora e 26 minutos.

Stephens tinha perdido há duas semanas para Mertens, no Torneio de Cincinnati. Dessa vez, porém, deu o troco tendo mais winners - 17 a 12 - e menos erros não-forçados - 25 a 35 - do que a sua adversária. Além disso, a norte-americana converteu cinco de nove break points e perdeu o saque duas vezes, assegurando a passagem de fase no US Open.

Nas quartas de final, Stephens terá pela frente a letã Anastasija Sevastova, a número 18 do mundo, sendo que a norte-americana está em vantagem de 2 a 1 no confronto direto com a rival, incluindo o triunfo no duelo mais recente, em agosto, no Torneio de Montreal.

Neste domingo, em um confronto com muita oscilação, Sevastova derrotou a ucraniana Elina Svitolina, número 7 do mundo, por 2 sets a 1, com parciais de 6/3, 1/6 e 6/0, em 1 hora e 21 minutos. Para isso, foi perfeita nas oportunidades que teve para quebrar o saque da rival - foram cinco break points no duelo, tendo convertido todos.

ISNER AVANÇA

Em duelo entre dois grandes sacadores pela chave masculina, o norte-americano John Isner, o número 11 do mundo, se deu melhor e se garantiu nas quartas de final da chave masculina do US Open ao derrotar o canadense Milos Raonic, o 24º colocado no ranking da ATP, por 3 sets a 2, com parciais de 3/6, 6/3, 6/4, 3/6 e 6/2.

O confronto entre os tenistas da América do Norte teve 3 horas e 8 minutos de duração e 38 aces, sendo 20 deles disparados por Isner. Além disso, ele converteu quatro de 15 break points e só perdeu o saque em duas oportunidades. E o seu próximo rival no US Open vai sair do duelo entre o argentino Juan Martin del Potro e o croata Borna Coric.

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.