Edgar Su/ Reuters
Edgar Su/ Reuters

Stephens vence mais uma no WTA Finals, mas ainda não se garante na próxima fase

Norte-americana superou a holandesa Kiki Bertens por 2 sets a 1

Estadao Conteudo

24 Outubro 2018 | 14h54

A norte-americana Sloane Stephens conquistou nesta quarta-feira, em Cingapura, a sua segunda vitória em dois jogos no WTA Finals. Atual sexta colocada do ranking mundial, ela superou a holandesa Kiki Bertens por 2 sets a 1, com parciais de 7/6 (7/4), 2/6 e 6/3, mas o resultado ainda não foi suficiente para lhe garantir uma vaga na próxima fase da competição que reúne as oito melhores tenistas da temporada.

Stephens havia estreado no importante torneio realizado em quadras duras na última segunda-feira, quando derrotou a japonesa Naomi Osaka, também por 2 a 1. Com o novo triunfo, a jogadora dos Estados Unidos assumiu a liderança isolada do Grupo Vermelho, que horas mais cedo contou com a alemã Angelique Kerber derrotando Osaka em outra partida só definida após três sets disputados.

Todos os confrontos desta chave, por sinal, foram definidos depois de três parciais travadas pelas tenistas em cada duelo e, por isso, nenhuma das quatro integrantes da chave pôde assegurar classificação por antecipação às semifinais.

A definição das duas primeiras colocadas do Grupo Vermelho, que avançarão à próxima fase, só ocorrerá na sexta-feira, quando Stephens enfrentará Kerber e Osaka pegará Bertens, que na primeira rodada desta chave surpreendeu a alemã, atual vice-líder do ranking mundial.

No jogo que fez nesta quarta diante da holandesa que hoje ocupa a nona posição da WTA, Stephens exibiu uma atuação instável, pois teve o seu saque quebrado pela adversária em sete oportunidades. Porém, no fim, pesou o fato de que ela conseguiu ganhar o primeiro set no tie-break e converteu sete de 13 break points cedidos pela sua rival.

Assim, em uma partida com 14 quebras de serviço ao total, a norte-americana só saiu vencedora de quadra após 2h20min de equilibrada batalha em Cingapura.

Curiosamente, esta parelha edição do WTA Finals ainda não teve nenhuma tenista assegurando classificação à próxima fase por antecipação. As duas primeiras a carimbar vaga na semifinal serão conhecidas apenas nesta quinta-feira, na rodada final do Grupo Branco, que terá o duelo entre as checas Petra Kvitova e Karolina Pliskova abrindo o dia, às 5 horas (de Brasília), antes de a dinamarquesa Caroline Wozniacki encarar a ucraniana Elina Svitolina, que lidera esta chave após duas vitórias em dois jogos.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.