Stosur, Pliskova e Riske ganham conquistam torneios da WTA

Stosur, Pliskova e Riske ganham conquistam torneios da WTA

Principal destaque, australiana conquista tri de Torneio de Osaka; Em comum, todas as atletas devem subir no ranking da categoria

Estadão Conteúdo

12 de outubro de 2014 | 12h55

A australiana Samantha Stosur, a checa Karolina Pliskova e a norte-americana Alison Riske conquistaram neste domingo os títulos dos torneios do circuito mundial feminino de tênis realizados nesta semana. E o principal destaque foi Stosur, que garantiu o tricampeonato do Torneio de Osaka, no Japão.

Número 18 do mundo, Stosur assegurou a sua conquista ao derrotar a casaque Zarina Diyas, 37ª colocada no ranking da WTA, de apenas 20 anos, por 2 sets a 0, com parciais de 7/6 (9/7) e 6/3, em 1 hora e 40 minutos.

Disputado a primeira final da sua carreira, Diyas, chegou a abrir 5/3 e ter um set point na primeira parcial, mas depois acabou sucumbindo. Campeã em 2009, sobre Francesca Schiavone, em 2013, diante de Eugenie Bouchard, e agora neste ano em Osaka, Stosur perdeu apenas uma decisão do torneio japonês, em 2011, para Marion Bartoli.

Karolina Pliskova, por sua vez, assegurou o título do Torneio de Linz, na Áustria. Na final, a número 30 do mundo derrotou a italiana Camila Giorgi, 42ª colocada no ranking, por 2 sets a 1, com parciais de 6/7 (4/7), 6/2 e 7/6 (7/4), em 2 horas e 22 minutos.

O título em Linz foi o terceiro da carreira de Pliskova, sendo o segundo nesta temporada, em que já havia triunfado em Seul. Além disso, em 2014, a checa foi vice em Nuremberg, Hong Kong e Pattaya City.

Já Alison Riske, por sua vez, se sagrou campeã do Torneio de Tianjin, na China. Para isso, a número 62 do mundo derrotou na final a suíça Belinda Bencic, 35ª colocada no ranking e de apenas 17 anos, por 2 sets a 0, com parciais 6/3 e 6/4. O título deste domingo foi o primeiro da careira de Riske.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.