Kamran Jebreili/AP
Kamran Jebreili/AP

Svitolina bate Wozniacki e fatura o título do Torneio de Dubai

Ucraniana ganha de dinamarquesa por 2 sets a 0

Estadão Conteúdo

25 Fevereiro 2017 | 17h26

A ucraniana Elina Svitolina conquistou neste sábado o maior título da sua carreira. A número 13 do mundo levou a taça do Torneio de Dubai ao superar na decisão a dinamarquesa Caroline Wozniacki, a 15ª colocada no ranking da WTA, por 2 sets a 0, com parciais de 6/4 e 6/2, em 1 hora e 10 minutos.

A decisão foi a primeira de Svitolina em um torneio Premier 5, que está abaixo em importância apenas dos Grand Slams e dos Premier Mandatory. "É o primeiro troféu para mim em um torneio tão grande, então é muito especial", disse a ucraniana, que neste ano já havia sido campeã do Torneio de Taiwan.

Com o título, Svitolina vai subir na próxima atualização do ranking da WTA, nesta segunda-feira, atingindo a décima colocação. "Eu sonhei toda a minha vida em estar no Top 10. É uma sensação muito incrível entrar Top 10, e fazê-lo ganhando um torneio", acrescentou a ucraniana de 22 anos.

Esta foi a segunda vitória de Svitolina em dois duelos com Wozniacki - a derrotara, anteriormente, no Torneio de Miami de 2016. Dessa vez, ela assegurou o seu triunfo ao converter quatro de nove break points, além de ter perdido o seu saque apenas uma vez.

Esta foi a segunda final de Wozniacki em duas semanas, sendo que anteriormente ela havia caído na decisão em Doha. Mas a dinamarquesa, que deverá ascender para o 14º lugar no ranking, evitou lamentar o novo revés. "Foram duas semanas boas para mim, duas finais, muitas partidas. Fazer outra final aqui é, definitivamente, ótimo".

BUDAPESTE

Sem zebras, o Torneio de Budapeste definirá a usa campeã em uma partida com suas duas principais cabeças de chave. A húngara Timea Babos, número 33 do mundo, fez 7/5 e 6/1 na alemã Julia Goerges e vai encarar a checa Lucie Safarova, número 47 do mundo, que bateu Carina Witthoeft, também da Alemanha, por 6/4 e 6/3.

Mais conteúdo sobre:
tênis Elina Svitolina Caroline Wozniacki

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.