Cristiano Andujar/ Divulgação
Cristiano Andujar/ Divulgação

Teliana avança em Florianópolis e disputa 4ª semi de WTA

Brasileira disputa vaga na final com a letã Anastasija Sevastova

Estadão Conteúdo

30 de julho de 2015 | 15h17

Maior esperança da torcida brasileira em Florianópolis, Teliana Pereira venceu mais uma nesta quinta-feira e garantiu seu lugar na semifinal do WTA disputado no saibro do Costão do Santinho. A número 1 do Brasil avançou ao derrotar a alemã Laura Siegemund por 2 sets a 0, com parciais de 6/3 e 7/5, em 1h55min de duelo.

Com a vitória, Teliana manteve sua melhor campanha em Florianópolis - caiu na estreia na primeira edição do torneio em 2013 e foi eliminada na segunda rodada, ano passado. Também somou pontos importantes para seguir ascendendo no ranking. Atual 78º, ela deve furar o Top 70 pela primeira vez na próxima semana.

O resultado desta quinta assegurou também a quarta semifinal de Teliana no circuito profissional - e a segunda no Brasil, porque foi semifinalista anteriormente no Rio Open, em sua primeira edição, no ano passado.

Sonhando com a decisão do título, Teliana vai encarar nesta sexta-feira a letã Anastasija Sevastova, que avançou na chave ao superar a espanhola Maria-Teresa Torro-Flor, por 7/6 (7/4) e 6/4. Com 25 anos, a futura adversária da brasileira ocupa a 188ª posição do ranking e já tem um título da WTA, obtido em Estoril, em 2010.

Para buscar a vaga na semifinal, Teliana mostrou crescimento no saque, após oscilar no fundamento nas partidas anteriores. Sem cometer duplas faltas, acertou até 64% dos pontos quando jogou com o primeiro serviço. Mesmo assim, sofreu três quebras de saque. Compensou vencendo cinco games no serviço da adversária.

AZERBAIJÃO

No Torneio de Baku, a italiana Karin Knapp, segunda cabeça de chave, arrasou a estoniana Anett Kontaveit por 6/1 e 6/0. Nas quartas de final, ela vai enfrentar a russa Alexandra Panova. Também avançaram às quartas de final a belga Kirsten Flipkens, a russa Evgeniya Rodina e a romena Patricia Tig, nesta quinta-feira.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.