Divulgação
Divulgação

Teliana ganha de virada e vai à chave principal de Roland Garros

Brasileira fura qualifying e se classifica; Bia Haddad é eliminada

Estadão Conteúdo

22 de maio de 2015 | 10h49

Teliana Pereira e Beatriz Haddad Maia tiveram destinos opostos no qualifying de Roland Garros nesta sexta-feira. A número 1 do Brasil venceu sua terceira partida, furou o quali e ganhou o direito de disputar a chave principal pela segunda vez na carreira. Já Bia, prestes a completar 19 anos, foi derrotada na terceira rodada do quali e foi eliminada da competição.

Cabeça de chave número 1 do qualifying, Teliana levou um susto diante da espanhola Laura Pous-Tio, atual 205ª colocada do ranking. Ela perdeu o primeiro set, mas reagiu de forma fulminante ao empatar o duelo com um "pneu". A número 77 do mundo acabou fechando o jogo pelo placar de 3/6, 6/0 e 7/5.

Com as três vitórias, Teliana supera a campanha no Aberto da Austrália. No primeiro Grand Slam do ano, a brasileira fora derrotada na segunda rodada do quali. Em Paris, ela garantiu vaga na chave principal, repetindo o feito do ano passado - em 2014, ela entrou direto, por apresentar melhor ranqueamento.

Agora a número 1 do Brasil vai aguardar o sorteio que vai distribuir as tenistas do qualifying na chave principal. E torce para escapar das principais favoritas, ao menos na rodada de abertura.

Já Beatriz Haddad Maia perdeu a chance de jogar a chave principal logo em sua primeira participação em Roland Garros como profissional. Ela venceu seus dois primeiros jogo no quali, mas acabou sendo derrotada na rodada final pela australiana Olivia Rogowska, atual 196ª do mundo, de virada, pelo placar de 6/3, 6/7 (5/7), 3/6.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.