Antonio Lacerda/EFE
Antonio Lacerda/EFE

Teliana Pereira bate romena Alexandra Cadantu na estreia do Rio Open

Tenista brasileira não se intimidou com a rival e venceu por 2 sets a 0 - com parciais de 6/3 e 6/4

AE, Agência Estado

18 de fevereiro de 2014 | 18h53

RIO - A fase do tênis feminino brasileiro realmente é uma das melhores de todos os tempos. Apesar de no dia anterior duas representantes do País terem caído na estreia - Bia Haddad Maia e Laura Pigossi -, os torcedores presentes à quadra central do Rio Open, no Jockey Club, viram a maior esperança do Brasil no torneio vencer a sua primeira partida e se classificar com autoridade. Nesta terça, a pernambucana Teliana Pereira não se intimidou com a romena Alexandra Cadantu, cabeça de chave número 4, e venceu por 2 sets a 0 - com parciais de 6/3 e 6/4, em 1 hora e 44 minutos.

Atual número 98 do ranking mundial, Teliana Pereira mostrou uma enorme felicidade logo após bater a rival, que ocupa a 60.ª colocação, e avançar às oitavas de final. "Muito feliz pela vitória na minha estreia. É um peso tirado das costas. Agora espero jogar mais solta", disse a brasileira, em entrevista ao canal SporTV.

Na partida, Teliana Pereira mostrou por que vive uma boa fase no circuito profissional, que a levou a ser uma Top 100 no ranking. Com golpes consistentes de fundo de quadra, a brasileira impedia que Alexandra Cadantu pudesse imprimir seu jogo.

O duelo foi um festival de quebras de serviço. Teliana Pereira foi quebrada quatro vezes, mas sempre que isso acontecia logo se recuperava e devolvia a quebra. Assim, conseguiu ganhar seis games no saque de Alexandra Cadantu e venceu a partida.

Tudo o que sabemos sobre:
tênisRio OpenTeliana Pereira

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.