Tênis começa 2002 no Aberto de SP

Os brasileiros Flávio Saretta, Alexandre Simoni, Ricardo Mello e Marcos Daniel poderão ser os cabeças-de-chave do Aberto de São Paulo, de 31 de dezembro a 6 de janeiro, no Parque Villa Lobos. O torneio, da série Challenger, com 32 jogadores na chave de simples e 16 duplas, distribui US$ 25 mil em prêmios e recebeu inscrição de atletas de 19 países. O pré-qualifying, entre os dias 20 e 28, será o maior do País, com 128 jogadores e prêmio de US$ 15 mil. Os semifinalistas disputarão o qualifying oficial, nos dias 29 e 30. As inscrições para o Aberto de São Paulo terminam amanhã e podem ser feitas por e-mail (maricic@maricic.com.br) ou telefone (0xx11- 3078-7470). O critério de seleção é a pontuação na ATP, na ITF, na CBT e na respectiva federação.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.