Neil Hall / EFE
Neil Hall / EFE

Tênis vai apontar classificados para Tóquio-2020 após Roland Garros de 2021

Torneio de Roland Garros do próximo ano terminará em 6 de junho

Redação, Estadão Conteúdo

09 de junho de 2020 | 13h39

O ranking do tênis após a disputa do torneio de Roland Garros, em 2021, vai determinar os atletas classificados para a disputa dos Jogos Olímpicos de Tóquio. O anúncio foi feito, nesta terça-feira, pela Federação Internacional de Tênis (ITF, sigla em inglês).

O torneio de Roland Garros do próximo ano terminará em 6 de junho, de modo que as classificações WTA e ATP de 7 de junho vai determinar os participantes da Olimpíada, a ser disputada de 23 de julho a 8 de agosto.

As regras de classificação foram mantidas da mesma forma que seriam feitas este ano, antes da pandemia do coronavírus. Além da pontuação nos rankings da ATP (masculino) e WTA (feminino), serão levados em conta as participações na Fed Cup ou Copa Davis.

Por causa da pandemia da covid-19, os Jogos Olímpicos foram adiados por um ano e serão disputados em julho de 2021. Já o Aberto da França de 2020 acabou foi adiado e agora está programado para começar em setembro.

Para o evento paraolímpico de tênis em cadeira de rodas, a ITF informou que todos os atletas classificados em 2020 permanecerão com as vagas no próximo ano.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.