Seth Wenig/AP
Seth Wenig/AP

Thiago Monteiro estreia 2022 com vitória e encara Marin Cilic na 2ª rodada em Adelaide

Atual número 1 do Brasil e 89 do mundo derrota alemão Daniel Altmaier por 2 sets a 1 e enfrentará croata na próxima fase do ATP 250

Redação, Estadão Conteúdo

03 de janeiro de 2022 | 09h54

O brasileiro Thiago Monteiro começou a temporada 2022 com o pé direito. Nesta segunda-feira, o tenista cearense estreou no ATP 250 de Adelaide, disputado em quadras rápidas na Austrália, com uma difícil vitória sobre o alemão Daniel Altmaier, 84.º do mundo, por 2 sets a 1 — com parciais de 6/2, 3/6 e 7/6 (7/2), após 2 horas e 25 minutos.

O atual número 1 do Brasil e 89 do mundo terá um desafio ainda maior pela frente no torneio que serve de preparação para o Aberto da Austrália, o primeiro Grand Slam da temporada, pois medirá forças com Marin Cilic. Cabeça de chave 3, o croata entra direto na segunda rodada e enfrentará Thiago Monteiro pela primeira vez na carreira.

Será a 50.ª vez que o brasileiro enfrentará um Top 50 e tentará encerrar uma sequência negativa de sete derrotas contra rivais deste nível. Seu último triunfo foi na estreia de Roland Garros em 2020, quando bateu o georgiano Nikoloz Basilashvili. Ao todo, Thiago Monteiro tem 11 vitórias e 38 derrotas contra oponentes nesta faixa de ranking.

"Foi um jogo duro, bem equilibrado e definido nos detalhes. Comecei a partida muito firme, me sentindo bem e num bom ritmo, e aí no segundo set a minha concentração acabou caindo nos games de saque. Perdi um de bobeira, além do Altmaier ter sacado muito também. No último, voltei bem novamente e fui bem agressivo e sólido, prevalecendo a consistência no tie-break. Acho que realmente consegui executar o nível de jogo que queria para conquistar essa primeira vitória do ano, que sempre é difícil", resumiu o tenista.

Duplas

O tênis brasileiro terá dois representantes na chave de duplas do ATP 250 de Adelaide, um dos dois torneios que abrem a temporada 2022 do circuito profissional masculino. Marcelo Melo mantém a sua parceria com a croata Ivan Dodig, que vem desde outubro do ano passado, e é a mesma que fez grandes resultados entre 2013 e 2016.

Os dois serão os principais cabeças de chave e com direito a estrear diretamente na segunda rodada. O adversário sai do confronto entre Nicholas Monroe/Frances Tiafoe e os pouco conhecidos Hunter Reese/Sam Verbeek. Os australianos Matthew Ebden e John-Patrick Smith são os primeiros fortes adversários no caminho, em eventuais quartas de final.

Fernando Romboli, por sua vez, terá ao seu lado o americano Jamie Cerretani e os adversários na estreia são perigosos indianos Rohan Bopanna e Ramkumar Ramanathan.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.