Alessandra Tarantino / AP
Alessandra Tarantino / AP

Thiem arrasa Zverev e faz 3ª semifinal seguida em Roland Garros

Na próxima fase, austríaco vai enfrentar vencedor do duelo entre Djokovic e italiano Marco Cecchinato

Estadão Conteúdo

05 Junho 2018 | 11h14

O austríaco Dominic Thiem e o alemão Alexander Zverev fizeram nesta terça-feira o duelo dos dois maiores candidatos a superar Rafael Nadal em Roland Garros. Mas a expectativa da torcida em ver um grande confronto foi frustrada pela forte performance do austríaco e pela apatia do alemão, derrotado por 3 sets a 0, com parciais de 6/4, 6/2 e 6/1, no saibro de Paris.

+ Murray reitera que pretende voltar a jogar na temporada de grama

+ Cilic bate Fognini em 5 sets e encara Del Potro nas quartas em Paris

Com o resultado, o atual número oito do mundo vai disputar pela terceira vez seguida uma semifinal no Grand Slam francês. Em 2016, foi derrotado pelo sérvio Novak Djokovic e, no ano passado, caiu diante do favorito espanhol, que ficou novamente com o título. Desta vez, um confronto com Nadal só pode acontecer na eventual final.

No embalo de boas vitórias em Roland Garros, Thiem não precisou fazer grande esforço para derrubar o terceiro do ranking. Zverev não escondeu o cansaço em quadra. Não por acaso. Ele vinha de três jogos seguidos disputados em cinco sets. A "conta" do desgaste físico veio nesta terça.

O alemão, que ainda busca uma grande campanha num Slam, só ofereceu certa resistência a Thiem no set inicial. O austríaco levou a primeira parcial ao converter a única chance de quebrar cedida pelo rival, no sétimo game. Zverev não chegou a ameaçar o saque do semifinalista do ano passado.

No segundo set, Thiem começou a deslanchar no jogo. Faturou duas quebras em sequência, no terceiro e quinto games e abriu 4/1 com tranquilidade. Abatido, Zverev se tornou alvo fácil do rival, especialista em saibro, no terceiro set. O austríaco obteve outras duas quebras em sequência e fez 4/0. E não teve problemas para fechar o jogo logo em seguida em 1h50min.

Na semifinal, o número oito do mundo vai enfrentar o vencedor do duelo entre o sérvio Novak Djokovic e o italiano Marco Cecchinato, maior surpresa destas quartas de final, ainda nesta terça-feira.

Os demais confrontos das quartas têm Rafael Nadal contra o argentino Diego Schwartzman e o croata Marin Cilic diante do argentino Juan Martín del Potro. Estes jogos serão disputados nesta quarta.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.