Wagner Meier|EFE
Wagner Meier|EFE

Thiem supera espanhol e leva título do Rio Open sem perder sets

Número 8 do mundo confirma favoritismo diante de Pablo Carreño Busta

Estadao Conteudo

26 Fevereiro 2017 | 19h46

O austríaco Dominic Thiem não decepcionou na sua participação no Rio Open. Cabeça de chave número 2 do ATP 500, disputado em quadras de saibro no Jockey Club Brasileiro, o oitavo colocado no ranking da ATP confirmou o seu favoritismo ao conquistar neste domingo o título com a vitória na decisão sobre o espanhol Pablo Carreño Busta, o número 24 do mundo, por 2 sets a 0, com parciais de 7/5 e 6/4, em 1 hora e 34 minutos.

O Rio Open reuniu dois tenistas do seleto grupo dos dez melhores do mundo, sendo que eles tiveram desempenho opostos. O japonês Kei Nishikori caiu no seu jogo de estreia, diante do brasileiro Thomaz Bellucci, enquanto Thiem, alçado com esse revés ao posto de grande favorito, levou a taça sem perder sequer um set.

O título conquistado no Rio foi o oitavo da carreira de Thiem, de 23 anos, sendo o primeiro na temporada 2017. E essa conquista veio com uma atuação bastante agressiva - ele disparou 25 winners - diante de Carreño Busta, que um dia antes havia levado a taça da chave de duplas ao lado do uruguaio Pablo Cuevas.

Além disso, Thiem confirmou a sua superioridade no confronto com Carreño Busta, a quem havia superado nas três partidas anteriores. Neste domingo, porém, o austríaco levou um susto, afinal o espanhol conseguiu uma quebra de serviço no sexto game, abrindo vantagem na partida.

Thiem, porém, reagiu imediatamente, devolvendo a quebra na sequência. Depois, no 12º game, converteu mais um break point, dessa vez para fechar a primeira parcial da decisão do Rio Open em 7/5.

No segundo set, Thiem ficou próximo do título ao abrir 4/2 com um break point convertido no sexto game. Dessa vez, no entanto, ele vacilou na sequência, perdendo o saque e mantendo Carreño Busta vivo na decisão. Novamente, porém, o espanhol falhou no momento de definição da parcial. No décimo game, Thiem conseguiu nova quebra de saque para fazer 6/4 no segundo set e garantir a conquista do título da chave de simples do Rio Open.

Mais conteúdo sobre:
tênis Rio Open Dominic Thiem

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.