Claude Paris/AP
Claude Paris/AP

Thomaz Bellucci abusa dos erros e cai na estreia em Montecarlo

Brasileiro foi eliminado com facilidade pelo francês Gilles Simon ao perder por 2 sets a 0

AE, Agência Estado

12 de abril de 2011 | 08h49

Thomaz Bellucci abusou do direito de cometer erros e foi eliminado com facilidade pelo francês Gilles Simon, nesta terça-feira, logo em sua estreia no Masters 1.000 de Montecarlo. O brasileiro acabou derrotado por 2 sets a 0, com parciais de 6/3 e 6/2, após 1h33min de confronto.

Com a derrota, o tenista número 1 do Brasil e atual 31.º do mundo viu fracassar a sua estratégia de chegar com antecedência a Montecarlo e realizar 15 horas de treino na quadra que recebe o torneio, que é de saibro, o seu piso predileto.

Com 41 erros não-forçados cometidos durante o confronto contra o 24.º colocado do ranking mundial, o brasileiro amargou sua segunda derrota seguida em uma estreia. Ele havia sido derrotado pelo norte-americano James Blake na primeira rodada em Miami. Com isso, agora ele acumula oito derrotas e dez vitórias na temporada, sendo que o avanço à semifinal em Acapulco foi o seu melhor resultado no ano.

Bellucci amargou nesta terça a sua segunda derrota em dois jogos contra Simon, que havia superado o brasileiro no US Open de 2009. Desta vez, o tenista do Brasil vacilou ao ser infeliz em momentos decisivos. Ele só aproveitou uma das sete chances que teve de quebrar o saque do francês, que foi inversamente eficiente quando recebeu oportunidades de ganhar no serviço de Bellucci - com quatro quebras em cinco proporcionadas pelo brasileiro.

No primeiro set, Bellucci não aproveitou as duas chances que teve de quebrar o saque do rival, enquanto o francês foi feliz na única que recebeu do brasileiro, fato decisivo para que ele fechasse a parcial em 6/3.

Já no segundo set, o brasileiro deu continuidade ao seu calvário ao desperdiçar quatro chances de quebra antes de conseguir ganhar um único game no saque do adversário, que foi eficiente com mais três quebras que decretaram a vitória por 6/2. Além disso, o francês cometeu apenas 19 erros não-forçados, diante dos 41 de Bellucci, que teve apenas 48% de aproveitamento com o seu primeiro serviço no duelo.

Com o triunfo sobre o brasileiro, Simon agora espera pela definição do vencedor da partida entre o espanhol Albert Montañes e o belga Xavier Malisse para saber quem será o seu rival na segunda rodada em Montecarlo.

Veja também:

link'Errei demais', lamenta Bellucci após eliminação

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.