Divulgação
Divulgação

Thomaz Bellucci derrota João Sousa e é campeão em Genebra

Brasileiro vence português em sets diretos e volta a levantar taça

Jamil Chade, correspondente em Genebra, O Estado de S. Paulo

23 de maio de 2015 | 12h03

O tenista brasileiro Thomaz Bellucci volta a conquistar um título, depois de dois anos, e retorna ao top 50 do mundo. Neste sábado, em Genebra, Bellucci venceu o português João Sousa, levantando seu quarto troféu na carreira. A conquista confirma a boa fase do brasileiro às vésperas de Roland Garros, considerado por Bellucci seu principal objetivo na temporada.

Essa foi a primeira final do brasileiro em dois anos e sete meses. Até hoje, ele havia conquistado apenas duas vezes o torneio de Gstaad, na Suíça, e o de Santiago do Chile. No total, foram seis finais. Bellucci precisou de 1h35min de partida para bater Sousa por 2 sets a 0, com parciais de 7/6 e 6/4, num jogo acirrado. No saibro, o brasileiro já havia superado na estreia o cipriota Marcos Baghdatis. Depois, bateu Denis Istomin, passou pelo espanhol Albert Vinolas e arrasou o colombiano Santiago Giraldo na semifinal.

Contra o português número 50 do mundo, Bellucci começou em ritmo forte e quebrou o saque do português logo no primeiro game. Ele teve três set points para fechar em vantagem o jogo. Mas sofreu uma virada e o set foi para um disputado tie-break. Foi de Bellucci, desta vez, a virada.

No segundo set, o português começou quebrando o saque do brasileiro, mas Bellucci conseguiu virar e fechar o jogo. A vitória é a volta de Bellucci entre os 50 melhores do mundo, também um de seus objetivos no ano. Em sua melhor posição no ranking da ATP, ele chegou a ser o 21º colocado em 2010. " Tive um começo de ano complicado ", admitiu o jogador. "Hoje, não estou distante de voltar a teu meu melhor tênis ", disse.

Bellucci teve um início de temporada decepcionante. Mas parece ter embalado no momento certo, já que Genebra é o último torneio antes de Roland Garros. Bellucci somou duas vitórias em Istambul, três em Madri e quatro em Roma. Na Itália, ele só foi eliminado por Novak Djokovic. Na cerimônia após a conquista, foi aplaudido pelo público em Genebra e agradeceu ao rival português e à organização do torneio.

Tudo o que sabemos sobre:
TenisThomaz Bellucci

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.