Luiz Pires Dias/Efe
Luiz Pires Dias/Efe

Thomaz Bellucci destaca calma para vencer russo na Copa Davis

Brasil abre vantagem de 2 a 0 na competição e vê a classificação para Grupo Mundial mais próxima

NATHALIA GARCIA, ENVIADA ESPECIAL, Agência Estado

14 de setembro de 2012 | 22h33

SÃO JOSÉ DO RIO PRETO - O Brasil está a um passo de voltar ao Grupo Mundial da Copa Davis. E essa vantagem deve-se à vitória de Thomaz Bellucci sobre o russo Teymuraz Gabashvili por 3 sets a 1 - com parciais de 6/3, 4/6, 6/0 e 7/6 (7/4), em 3 horas e 18 minutos -, no saibro de São José do Rio Preto (SP).

Nesta sexta-feira, o número 1 do País tinha tudo para mostrar regularidade em quadra. Mas não foi o que aconteceu. Bellucci fez um segundo set passivo e aplicou um "pneu" no terceiro, apresentando mais uma vez um desempenho oscilante.

"Já esperava um jogo difícil, mas o mais importante foi manter a calma quando perdi segundo set e depois conseguir voltar a jogar bem", avaliou.

Ainda assim, ele aproveitou que a pressão estava toda do lado russo depois da derrota de Igor Andreev na estreia para Rogério Dutra Silva e confirmou seu favoritismo. "É sempre mais fácil quando a gente entra com 1 a 0 a favor. A pressão em cima deles estava maior ainda, já que a proposta deles era abrir 1 a 0 no primeiro jogo, e isso me deu mais condições de jogar tranquilo. Conseguimos fazer a nossa parte", disse.

O ponto decisivo para a classificação do Brasil pode vir neste sábado, na partida de duplas. Marcelo Melo e Bruno Soares vão enfrentar Alex Bogomolov Jr. e o jovem Stanislav Vovk, de 21 anos.

Tudo o que sabemos sobre:
tênisCopa DavisBrasilThomaz Bellucci

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.