Alan Diaz/AP
Alan Diaz/AP

Tsonga derrota Seppi em 50min e é bicampeão em Metz

Francês precisou de 50 minutos para derrotar italiano e se sagrar bicampeão do torneio

AE, Agência Estado

23 de setembro de 2012 | 13h34

METZ - Após oscilar nas rodadas anteriores, o francês Jo-Wilfried Tsonga confirmou o favoritismo neste domingo com uma atuação contundente diante do italiano Andreas Seppi, na final do Torneio de Metz. O tenista da casa precisou de apenas 50 minutos para se sagrar bicampeão, com o placar de 6/1 e 6/2.

Com uma atuação decisiva no saque, Tsonga se impôs facilmente contra o rival e não teve o troféu ameaçado em nenhum momento da partida. Ele cravou 7 aces e registrou aproveitamento de 96% quando jogou com o primeiro serviço.

A grande performance garantiu ao francês seu segundo título do ano - venceu também em Doha, em janeiro. Tsonga soma agora 9 troféus na carreira e preciosos pontos no ranking em busca da classificação para o ATP Finals, que reúne os oito melhores tenistas da temporada em Londres. O troféu deverá consolidá-lo na oitava colocação entre os melhores do ano, ainda sem vaga garantida.

"Eu joguei muito bem. Fiquei focado durante todo o jogo, até o último segundo", comemorou o francês. "Estou muito feliz porque é a primeira vez que consigo defender um título. Espero que aconteça outras vezes", afirmou o campeão de 2011 e 2012 em Metz.

RÚSSIA - Em St. Petersburg, o eslovaco Martin Klizan conquistou seu primeiro título de nível ATP na carreira, ao superar o italiano Fabio Fognini na final por 2 sets a 0, com parciais de 6/2 e 6/3. O tenista de 23 anos havia eliminado o favorito Mikhail Youzhny, da casa, na semifinal.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.