US Open tem ?dia das mulheres?

Com jogos que prometem enfatizar toda a rivalidade do circuito feminino, esta sexta-feira estará reservada para o dia das mulheres no US Open de 2001. Serão definidas as finalistas do torneios em duas partidas que prometem muito equilíbrio e, especialmente, um clima acirrado de rivalidade. A suíça Martina Hingis enfrenta a norte-americana Serena Williams, por uma vaga na final, enquanto o outro jogo reúne Jennifer Capriati, campeã do Aberto da Austrália e de Roland Garros, diante de Venus, campeã de Wimbledon e do US Open do ano passado.O clima entre as irmãs Williams e várias outras jogadores tem se revelado tenso e provocativo. Serena jamais escondeu que detesta perder para Martina Hingis, uma tenista, além de talentosa, muito irônica e arrogante. Venus vem mantendo uma intensa rivalidade também com Capriati, com a primeira tenista alcançando esta semana a marca de 24 vitórias consecutivas, incluindo uma nas semifinais de New Haven, recentemente, sobre Capriati. Venus não perde um jogo desde sua surpreendente eliminação na primeira rodada de Roland Garros este ano.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.