Marcelo Ruschel/Divulgação
Marcelo Ruschel/Divulgação

Venus Williams avança em Florianópolis com vitória apertada

Norte-americana venceu Garbine Muguruza por 2 sets a 1, com parciais de 6/4, 2/6 e 7/5

AE, Agência Estado

27 de fevereiro de 2013 | 23h02

FLORIANÓPOLIS - A tenista norte-americana Venus Williams teve trabalho para confirmar seu favoritismo na noite desta quarta-feira e avançar para as quartas de final do Torneio de Florianópolis, única competição do circuito da WTA no Brasil. Pela segunda rodada, ela conseguiu uma vitória apertada diante da espanhola Garbine Muguruza por 2 sets a 1, com parciais de 6/4, 2/6 e 7/5, em 2 horas e 12 minutos.

Ex-número 1 do mundo - ocupa atualmente a 20ª colocação -, Venus é a grande estrela da disputa em Florianópolis e principal favorita ao título. Aos 32 anos, a veterana norte-americana já foi campeã 44 vezes no circuito da WTA, sendo sete em torneios do Grand Slam. Mesmo assim, ela sofreu para eliminar nesta quarta-feira a espanhola Garbine Muguruza, que aparece apenas em 96º lugar no ranking.

Mas, com a vitória confirmada, Venus já está nas quartas de final em Florianópolis. Assim, ela volta a jogar nesta quinta-feira na capital catarinense, quando enfrentará a eslovaca Magdalena Rybarikova. A tenista da Eslováquia, número 52 do mundo, também se classificou nesta quarta, ao derrotar a espanhola Beatriz Garcia Vidagany por 2 sets a 1, com parciais de 6/4, 3/6 e 6/4.

Ainda nesta quarta-feira, foi eliminada a última representante brasileira na chave principal de Florianópolis. Depois das derrotas de Paula Gonçalves, Maria Fernanda Alves e Teliana Pereira na estreia, agora foi a vez de Bia Haddad Maia cair na segunda rodada. Com apenas 16 anos, ela trabalha com o técnico Larri Passos, o mesmo de Gustavo Kuerten, e é uma das esperanças para o futuro do tênis no Brasil.

Depois da boa vitória sobre a norte-americana Chieh-Yu Hsu na estreia, Bia Haddad Maia acabou perdendo nesta quarta-feira para a húngara Melinda Czink, experiente tenista de 30 anos que ocupa o 100º lugar no ranking. A jovem brasileira, que entrou no torneio como convidada da organização, chegou a ter três match points no jogo, mas desperdiçou e foi derrotada por 2 a 1, com 1/6, 6/2 e 7/6 (7/3).

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.