Wawrinka supera Federer e é eleito o melhor atleta da Suíça em 2015

Stan Wawrinka desbancou Roger Federer e foi eleito nesta segunda-feira o melhor atleta da Suíça em 2015. O tenista, atual número quatro do mundo, se destacou na temporada ao derrubar o sérvio Novak Djokovic na final de Roland Garros e faturar seu segundo título de Grand Slam na carreira.

Estadão Conteúdo

14 de dezembro de 2015 | 12h20

Wawrinka obteve 38,9% dos votos, contra 22,8% de Federer, que terminou o ano na frente do compatriota no ranking da ATP. Ele é o atual número três do mundo. Contudo, Federer deixou escapar nesta temporada títulos de maior importância. Foi vice-campeão em Wimbledon, US Open e no ATP Finals - em todas as decisões foi superado por Djokovic. O terceiro lugar da disputa suíça ficou com o ciclista de mountain bike Nino Schurter.

Wawrinka vive uma de suas melhores fases da carreira. Ao vencer em Roland Garros, impediu que Djokovic completasse o Grand Slam neste ano - o sérvio venceu os outros três torneios deste nível na temporada. O suíço foi campeão de outras três competições, de menor nível, neste ano e se manteve entre os cinco melhores do ranking durante quase toda a temporada.

Federer, por sua vez, teve seu domínio desbancado na história recente da premiação. Ao todo, ele soma seis troféus de melhor atleta suíço do ano. Venceu em 2003, 2004, 2006, 2007, 2010 e 2014.

No feminino, a triatleta Daniela Ryf levou o prêmio com 26% dos votos. A tenista Timea Bacsinszky ficou em terceiro lugar, com 19%. Semifinalista em Roland Garros, ela ganhou na semana passada o prêmio de Maior Evolução da WTA, pelo crescimento exibido ao longo da temporada 2015.

Tudo o que sabemos sobre:
tênisSuíçaStan WawrinkaFederer

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.