Wozniacki vence Dulko na estreia no Aberto da Austrália

A dinamarquesa Caroline Wozniacki, número 1 do mundo, estreou com vitória no aberto da Austrália. Nesta segunda-feira, ela derrotou a argentina Gisela Dulko por 2 sets a 0, com parciais de 6/3 e 6/4, em 1 hora e 41 minutos. Assim, espantou a zebra na primeira rodada para seguir na luta pelo primeiro título de um torneio do Grand Slam na sua carreira. No ano passado, ela foi eliminada nas oitavas de final em Melbourne.

AE, Agência Estado

17 de janeiro de 2011 | 09h39

Com um jogo consistente, Wozniacki se aproveitou dos erros de Dulko para triunfar. Ela conseguiu uma quebra de serviço no sexto game do primeiro set e confirmou o seu serviço em todos os games para vencer por 6/3. No segundo set, converteu um break point logo no primeiro game, mas cedeu o seu serviço no oitavo. Porém, conseguiu nova quebra de saque no game seguinte e apenas precisou confirmar o seu serviço para vencer a parcial por 6/4 e a partida por 2 sets a 0. Na segunda rodada, Wozniacki vai encarar a vencedora do jogo entre a austríaca Tamira Paszek e a norte-americana Vania King.

A russa Maria Sharapova, número 16 do mundo e cabeça de chave número 14, enfrentou dificuldades para colocar o seu serviço em quadra, mas mesmo assim conseguiu estrear com um triunfo tranquilo no Aberto da Austrália. Ela derrotou a tailandesa Tamarine Tanasugarn, número 65 do ranking da WTA, por 2 sets a 0, com parciais de 6/1 e 6/3, em 1 hora e 18 minutos.

Assim, a campeã do Aberto da Austrália de 2008 superou o fantasma de 2010, quando perdeu na sua partida de estreia. Sharapova levou um susto no primeiro game, quando teve o seu serviço quebrado, mas depois venceu seis games. E no segundo set chegou a estar perdendo por 3/1. No total, ela cometeu 10 duplas faltas. Na segunda rodada, Sharapova vai enfrentar a francesa Virginie Razzano, 100ª colocada no rankig da WTA, que bateu a russa Elena Vesnina (4/6, 6/3 e 6/3).

A norte-americana Venus Williams, número cinco do mundo, começou bem a sua participação no Aberto da Austrália. Nesta segunda-feira, ela venceu a italiana Sara Errani, 42ª colocada no ranking da WTA, por 2 sets a 0, com parciais de 6/3 e 6/2. Sua próxima adversária será a checa Sandra Zahlavova, número 97 do mundo, que passou pela compatriota Renata Voracova (6/3 e 6/1).

A italiana Francesca Schiavone, atual campeã de Roland Garros venceu a espanhola Arantxa Parra Santoja, 68ª colocada no ranking da WTA, por 2 sets a 1, com parciais de 6/7 (4/7) ,6/2 e 6/4, em 2 horas e 13 minutos. Agora, a número 7 do mundo vai encarar a canadense Rebecca Marino, que derrotou a japonesa Junri Namigata (6/2, 4/6 e 6/3).

A bielo-russa Victoria Azarenka, número 9 do mundo, derrotou a alemã Kathrin Woerle, 166ª colocada no ranking da WTA, por 2 sets a 0, com parciais de 6/0 e 6/2. Agora, ela vai duelar com a checa Andrea Hlavackova, que passou pela austríaca Patricia Mayr (7/5 e 6/4).

Ex-número 1 do mundo, a belga Justine Henin teve dificuldades na sua estreia, mas avançou ao derrotar a indiana Sania Mirza por 2 sets a 1, com parciais de 5/7, 6/3 e 6/1, em 2 horas e 12 minutos. Na segunda rodada, a cabeça de chave número 11 vai encarar a britânica Elena Baltacha, que passou pela norte-americana Jamie Hampton (3/6, 6/4 e 7/5)

A chinesa Na Li, número 11 do mundo, superou a sueca Sofia Arvindsson por 2 sets a 0, com parciais de 6/1 e 7/5. Campeã do Torneio de Sydney, ela enfrentará a russa Evgeniya Rodina, que eliminou a australiana Olivia Rogowska (6/3 e 6/1), na segunda rodada em Melbourne.

A francesa Marion Bartoli, 15ª cabeça de chave, massacrou a italiana Tatiana Garbin, 86ª colocada no ranking da WTA, por 2 sets a 0, com um duplo 6/0, em apenas 47 minutos. No jogo, a número 17 do mundo conseguiu seis quebras de serviço e venceu 52 dos 69 pontos disputados. Sua próxima adversária será a russa Vesna Manasieva, que eliminou a espanhola Laura Tio (7/5 e 6/2).

A eslovaca Dominika Cibulkova, 29ª cabeça de chave, superou a alemã Angelique Kerber por 2 sets a 1, com parciais de 6/2, 6/7 (4/7) e 6/4, e agora vai encarar a italiana Alberta Brianti, 87ª colocada no ranking da WTA, que eliminou a checa Lucie Hradecka (6/4 e 7/5).

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.